sexta-feira, 8 de março de 2019

Polenta frita

Alguns posts atrás eu ensinei a fazer uma polenta na panela de pressão deliciosa e muito fácil de fazer e é com essa receita, que você pode conferir clicando aqui, que vou te dar algumas dicas de como preparar uma polenta frita sequinha e muito boa!

Ahhh mas é só fritar, alguns podem pensar ao ler o início desse post. Mas aí é que você se engana! Claro, estamos falando de fritura por imersão, e muitos podem acertar fazer pela prática que possuem, mas aqui no Arte, tenho um público que está aprendendo a cozinhar e por isso gosto de deixar tudo bem detalhado e com as dicas que podem facilitar quem está nesse processo.

A primeira dica dessa receita é a seguinte, para fritar a polenta ela tem que estar 100% gelada! Nada de fritar polenta morna e que não esteja firme suficiente, porque ela vai se desmanchar. Além disso, o óleo precisa estar bem quente, senão, ela não vai criar a crosta crocante que precisa. Frite em bastante óleo e em uma panela pequena, dessa forma, você colocará pequenas porções por vez e não terá problema de esfriar o óleo.

Você pode optar por pedaços finos, como os que eu fiz, e dessa forma ela ficará crocante por inteiro ou então cortar em pedaços maiores e dessa forma deixar crocante por fora e macia por dentro. Eu gosto de palitinhos assim, porque eles fritam mais rápido.

Congelar a polenta para fritar? Você pode e deve! Uma receita dessa polenta (clique aqui) rende bastante, então aproveite para poder congelar em porções. E para congelar é importante cortar os pedaços e levar separados em uma forma e só depois de congelados, você deve porcionar. Assim os pedaços não grudam.

Na hora de fritar, não mexa nos pedaços, segure sua ansiedade! Pode parecer que ela vai "pegar" no fundo e algumas de verdade irão, mas não mexa, só faça isso quando você tiver certeza que ela criou aquela casquinha por fora, caso contrário, além de fazer com que ela absorva muita gordura, ela não vai ficar crocante depois que você tirar do óleo. Outra coisa, deixe que elas fiquem grudadinhas, não tem problema algum ela grudar enquanto frita em uma outra polenta, quando você retirar do óleo, elas soltarão facilmente. 

E claro, a última coisa, escorra sempre em papel absorvente ou saquinho de pão reutilizado.

Quer colocar cobertura? Acho lindo! Queijo parmesão ralado grosso e cebolinha por cima da polenta quentinha, é uma ótima pedida! Acompanhar com um molho de pimenta ou então servir com esse ketchup caseiro de especiais que ensinei aqui no blog, é também uma excelente escolha!

Bom, eu espero que depois destas dicas sua polenta fique incrível! Eu demorei pra aprender, por isso, acho que compartilhar o pouquinho que sei, pode contribuir com quem ainda não conseguiu fazer uma polenta frita perfeita. 

Espero que tenham gostado!
Beijos,
Fla.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Bom dia! Está linkada no post, ou se você acessar o blog, clique em "post anterior" na parte inferior e você encontrará a receita da polenta na panela de pressão.
      =)

      Excluir

Obrigada pelo comentário!
O mesmo estará disponível após liberação.