terça-feira, 2 de setembro de 2014

Sopa de cebola do Claude Troisgos

Se você é viciado em programas de culinária como eu, certamente já ouviu falar no Claude Troisgos. Sou fã do programas mas confesso que são poucas as receitas que de fato me chamam a atenção, talvez porque eu não seja a maior conhecedora da arte culinária francesa ou sei lá. 

Mas essa receita desde que eu vi fiquei fascinada! O programa em que a mesma foi ao ar já faz bastante tempo e eu sempre pensava em fazer, até que esses dias eu estava querendo muito uma sopa diferente e pensei em tentar. E não é que ela é muito, mas muito saborosa?

A receita original você confere clicando aqui. Mas abaixo vou colocar com as minhas modificações e espero que vocês gostem tanto quanto eu.

Ingredientes:

- 8 cebolas médias fatiadas (usei 4 roxas e 4 brancas)
- 1 talo de alho poró pequeno fatiado
- 4 linguicinhas fininhas (Guanabara ou Josefina) fatiadas em rodelas finas
- 2 colheres sopa de manteiga
- 4 colheres sopa de farinha de trigo
- 1 e 1/2 litro de caldo de carne
- 120 ml de vinho branco
- 30 ml de cachaça
- 2 folhas de louro
- 2 cravos
- 8 torradas de pão italiano ou francês
- 2 colheres sopa de mostarda dijon
- 200 gramas de queijo gruyère ralado
- sal à gosto

Preparo:

- Em uma panela grande frite as linguiças até ficarem douradas;
- Derreta a manteiga e coloque a cebola e o alho poró aos poucos e mantenha em fogo médio para que eles caramelizem e fiquem levemente dourados mas sem queimar;
- Adicione a farinha de trigo e misture bem por uns 3 minutos e mexa bem para que não queime e nem empelote;
- Despeje a cachaça e flambe a mistura;
- Adicione o vinho, o caldo de carne, os cravos, o louro e um pouco de sal;
- Mexa bem e deixe ferver em panela tampada por 30 minutos;
- Experimente e corrija o sal;
- Coloque a sopa em cumbucas ou bowls individuais mas não coloque até a borda;
- Passe a mostarda nas fatias de pão e coloque uma fatia dentro de cada bowl por cima da sopa;
- Cubra os bowls com queijo e leve ao forno até que fique gratinado;

Rendimento: 6 a 8 porções
Tempo de preparo: 1 hora
Grau de dificuldade: Fácil

Eu fiz meu próprio caldo de carne mas você pode utilizar o de cubinhos e pode ser de frango como na receita original. Outro ponto é que eu aumentei a quantidade de líquido e diminuí a farinha porque deixei mais tempo no fogo.

E por último, não adicione a cebola toda de uma vez, vá colocando aos poucos, porque mesmo utilizando uma panela de ferro como a da receita, quando coloquei tudo começou a juntar água e tive que tirar correndo para que a primeira parte ficasse mais douradinha e aí sim adicionei o restante.

Ah sim, e vai por mim, não dispense a torrada por cima da sopa. Ela faz sim toda a diferença! É uma das melhores sopas que já provei e espero que vocês façam e que gostem!

Ótima semana!
Beijos,
Fla.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Bolo de milho - Ora Pitangas

Esses dias eu brinquei no Facebook que ao invés de ir fazer as unhas eu me levantei e fui bater um bolo. E isso acontece com muita frequência. Posso ter preguiça de sair, fazer compras, estudar, ir ao salão pintar os cabelos, mas dificilmente eu tenho preguiça de cozinhar.

A cozinha é meu mundinho particular. É ali que penso na vida, que revejo meus caminhos, que tomo grande parte das minhas decisões e esqueço tudo o que não faz bem. Cozinhar é de fato uma terapia, um momento de relaxar e com certeza fico com as unhas sem fazer mas não deixo de ir pra minha cozinha bater um bolo. Questão de gosto, eu sei.

Neste dia, passei pelo blog da minha querida amiga e vizinha Angela do delicioso Ora Pitangas e fui atrás de uma receitinha de bolo de milho já que eu tinha algumas espigas em casa e precisava utilizar meio rápido. Não tive dúvidas quando li essa receita e vi que era fácil e prática. Fez um super sucesso e com um cafezinho para acompanhar foi o final de tarde perfeito!

A receita original você pode conferir clicando aqui e ainda vai conhecer muitas outras delícias do Ora Pitangas. Abaixo estou colocando os ingredientes e preparo com as pequenas alterações que fiz.

Ingredientes:

- 4 espigas de milho (a receita original são 6, mas eu tinha apenas 4 e eram enormes então usei as que tinha)
- 500 ml de leite
- 4 ovos
- 2 colheres sopa de manteiga sem sal
- 2 xícaras chá de açúcar (a receita original pede 2 e 1/2)
- 6 colheres sopa de farinha de trigo
- 1 colher sopa de fermento químico em pó

Preparo:

- Cortar os grãos das espigas e bater no liquidificador com o leite;
- Junte os ovos e a manteiga em temperatura ambiente e bata bem;
- Sem parar de bater acrescente aos poucos o açúcar, a farinha e por último o fermento em pó;
- Coloque em uma forma de anel ou redonda como a que utilizei untada com açúcar cristal, farinha e canela;
- Asse em forno preaquecido por cerca de 40 a 45 minutos, faça o teste do palito para verificar porque o tempo depende de cada forno;
- Sirva acompanhado de um café fresquinho.

Rendimento: 1 bolo médio
Tempo de preparo: 60 minutos
Grau de dificuldade: Fácil

Delícia né?! Impossível não gostar de bolo de milho. Eu coloquei em uma forma redonda e depois utilizei um cortador menor para fazer as porções. Por cima coloquei uma colher de iogurte grego e polvilhei canela. Ficou muito bom!!! Agradeço a Angela pela partilha desta receita!

Espero que gostem!
Beijos,
Fla.