sexta-feira, 30 de abril de 2010

Quibe recheado com creme de ricota

Oi gente, tudo certinho?

Well, vamos por partes. Sobre a história do "bom-dia" ou "bom dia", seguinte gente, eu não vou prolongar o assunto aqui porque já tem gente polemizando a coisa. Recebi uma quantidade de email absurda sobre o assunto, e pessoal, quem acha que eu tô errada tudo bem, mas tem regra pra isso e todo mundo tem que tomar cuidado com links da internet certo? O ideial é buscar em fontes conhecidas e confiáveis. Teve muita gente que falou na boa, enviou links e tal e eu agradeço de coração, mas eu estou reclamando do pessoal que me crucificou, a grande maioria, por email. Ai gente, tenha dó de mim, please! Desculpa todo mundo e o assunto morre aqui, cada um escreve como achar que deve né? Quem quiser a regra mande um email para mim, fla.artenacozinha@gmail.com e eu envio, mas aqui no blog, o assunto móóóóórreu? Sigamos felizes e contentes. =)

Falando agora de comidinha... eu ganhei o kit da Tirolez lá no blog da Nana e coloquei aqui lembram? Então, fiz tanta coisa boa com esses produtos gente, amei. Comecei com esse quibe recheado com creme de ricota da Tirolez que ficou divino!!!

Eu sou super adepta do quibe assado por 2 motivos: primeiro que eu moro em apartamento e apartamento e fritura não combinam e segundo que é muito mais saudável.

Este eu fiz assim.

Ingredientes:

- 1/2 kilo de carne moída (usei patinho moído duas vezes)
- 1 xícara chá bem cheia de trigo para quibe
- 1 cebola pequena
- 2 col. sopa de azeite
- 2 col. chá de pimenta síria
- 1 xícara de folhas de hortelã
- suco de 1/2 limão
- 1 col. sobremesa de tempero pronto ou sal a gosto.
- 1 pote de creme de ricota Tirolez
- 2 tomates picados em rodelas
- 1 cebola grande em fatias
- 1/2 cheiro-verde

Preparo:

- Deixe o trigo de molho em 1 e 1/4 xícara de água fervente por 40 minutos. A água será toda absorvida pelo trigo e não terá necessidade em escorrer. Reserve.
- Bata com a ajuda de um mixer ou liquidificador a cebola, o limão, o azeite, a pimenta, o tempero ou sal e as folhas de hortelã.
- Coloque em uma vasilha: a carne, o trigo e os temperos batidos. Misture bem e deixe descansar por 30 minutos.
- Coloque metade da massa em uma forma pequena (usei o marinex número 0), por cima coloque todo o pote de creme de ricota Tirolez, a cebola fatiada, o tomate e o cheiro verde.
- Cubra com o restante da massa de quibe, faça marcas com a faca e regue com azeite do bom.
- Leve ao forno com papel alumínio por 25 minutos, retire o papel e deixe mais 25 minutos.
- Sirva acompanhado de coalhada.

Não se preocupe se você perceber que está "sorando" o creme de ricota, depois que você desliga o forno ele seca novamente, não esquente. Gente, o creme de ricota vira um creminho mega saboroso e fica uma coisa de delicioso.

A coalhada eu faço assim: 1 potinho de coalhada pronta, suco de 1 limão, 4 col. sopa de azeite, sal e pimenta síria a gosto e cebolinha picada. Misturo tudo e sirvo com o quibe. Adoro! Aqui embaixo o quibe já partido e o creminho escorrendo...nham nham!


Depois vocês irão conferir as outras receitas que este kit me rendeu. Adorei todos os produtos.

Beijos e até mais pessoal.
Amanhã teremos uma receitinha que fiz para participar de uma gincana aqui na net.
Fla.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Pão de cebola

Bom-dia! (Aprendi que tem hífen, obrigada Dani!).

Tudo certinho com vocês? Por aqui tudo caminhando graças a Deus e olha que coisa boa, voltou a esfriar! Eba! Amo inverno e tudo que envolve o mesmo, culinarísticamente falando é claro, ou seja: sopas, vinhos, caldos, pratos bem quentes, chocolate quente, quentão, etc...

E aí na dúvida do que postar hoje, lembrei deste pão que eu fiz para acompanhar uma canja que fiz estes dias quando o marido não tava legal (receita da canja aqui), e que ficou mara! Na verdade é uma receita de pão comum que eu só dei uma melhoradinha no quesito sabor.

Eu usei a minha MFP, mas você pode tranquilamente fazer o pão na mão mesmo, e ainda pode fazer em formato de bolinhas ou utilizar uma forma de pão inglês para assá-lo.

Vamos então a receita?

Ingredientes:

- 1 1/2 copo de água (320 ml)
- 1 1/2 col. sopa de margarina
- 1 cebola pequena ralada
- 1 col. chá rasa de curry
- 1 1/2 col. chá de sal
- 2 col. sopa açúcar
- 4 col. chá de leite em pó
- 4 copos de farinha de trigo
- 2 col. chá de fermento biológico

Preparo:

- Adicionar os ingredientes na MFP na ordem acima.
- Escolher o ciclo normal e o tamanho do pão número II (900 gr.)
- Ligar sua MFP e esperar até que fique pronto.

- Para fazer o mão de forma manual, misture um pouco da farinha, com um pouco de água e o fermento e faça uma esponja. Deixe crescer por 15 minutos.
- Depois adicione os outros ingredientes e sove até obter uma massa lisa.
- Deixe crescer a massa por cerca de 1 hora.
- Divida a massa em duas formas untadas e enfarinhadas, deixe crescer por mais 15 minutos e leve para assar em forno médio/baixo até que os pães estejam corados.

Gente o cheiro da cebola nesse pão é algo que nem vou tentar explicar. Ficou divino. O curry fica com um aroma super leve e bem sútil, divino!

Bom é isso. Já perceberam que hoje é quinta? Nossa, tá voando o tempo! A semana passa tão rápido que malemá a gente consegue aproveitar porque quando nos damos conta já se foi o mês. Ai que estranho isso né? Cruzes!

Vamos que vamos. Lindo dia pra vocês.
Bjs
Fla.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Sopa de feijão com legumes


Bom-dia! Tudo bem com vocês? Espero que sim! Por aqui tudo melhorando graças a Deus.

Eu preciso antes de colocar a receitinha de hoje, agradecer imensamente a todos os novos visitantes aqui do Arte. Tenho recebido emails e comentários tão carinhosos de novos amigos que fico muito feliz. Com isso o Arte já passa de 250 seguidores, e eu fico mega feliz. Obrigada por todos que passam por aqui!

A receita que eu vou postar hoje tem uma historinha. Dias atrás o tempo deu uma reviravolta e do nada esfriou muito aqui na cidade. E saindo do trabalho numa quinta-feira eu tive uma ideia de cozinhar feijão fresquinho para fazer uma sopinha.

Beleza, cheguei em casa a geladeira vazia que dava medo, mas resolvi aproveitar os poucos legumes que eu tinha e fazer uma sopinha bem gostosa. E lá fui eu. Coloquei na panela de pressão 3 xícaras de feijão cru, 1 dente de alho inteiro, 1 folha de louro, 1 fio de azeite e mais ou menos de 4 a 5 xícaras de água. Deixei até que o feijão ficasse quase desmanchando.

Depois em uma panelinha a parte, fritei cubinhos de bacon, depois retirei e reservei e na mesma panelinha fritei um pouco de tempero que minha mãe faz (que contém cebola, alho, pimentão, cheiro-verde e sal). Esse temperinho eu coloquei no feijão que continuava fervendo no fogão.

Aí retirei a folha de louro e bati o feijão com a ajuda de um mixer e coloquei: 1 cenoura grande ralada, 1 batata grande cortada em cubinhos e 1 chuchu pequeno também em cubinhos. Fechei a pressão e deixei por uns 5 minutos, até os legumes ficarem al dente.

Abri a panela, coloquei mais um pouquinho de água quente e acrescentei 1 xícara de macarrão Ave Maria e deixe até que ficasse cozido.

Distribui em potinhos como este da foto, salpiquei o bacon fritinho, cheiro-verde e cubinhos de gengibre (porque em casa somos devoradores de gengibre), e estava pronto.

Eis que meu marido chega e diz assim: "Nossa você não vai acreditar, eu vim o caminho todo pensando em pedir pra você fazer uma sopa de feijão". Eitaaaa casal conectado! Risos... Isso é que é transmissão de pensamento hein?! Tão gostoso ver ele provando a sopa e dizendo com aquela cara de quem estava matando a sua vontade: "Hummm...que bom...hummm...". Tem prazer maior para uma cozinheira? Não né?!

É isso gente. Não vejo a hora de o inverno começar para poder me jogar novamente nas sopas e caldos. Adoooooro!

Boa quarta-feira pra vocês meus queridos.
Beijos,
Fla.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Panqueca de Palmito

Oi pessoal, bom dia!

Dias atrás vi uma receita de panqueca no blog da Tati, o Panelaterapia, que acho que a grande maioria aqui já conhece, e achei a receita da massa bem diferente da minha e por isso, aproveitando que eu tinha um vidro de palmito que precisava ser usado, resolvi fazer panquecas de palmito.

A massa? Aprovadíssima! Adoramos aqui em casa, fica super levinha e bem saborosa. A receita original você confere aqui, mas vou colocar aqui embaixo também com o meu recheio.

Ingredientes massa:

- 1/2 xícara de amido de milho (Maizena);
- 1/2 xícara de farinha de trigo;
- 1 xícara de leite;
- 1 ovo;
- 1 colher (de sopa) de óleo;
- 1 colher (de café) de sal;
- 1 colher (de café) de açafrão.

Preparo:

- Bata tudo no liquidificador (ou mixer).

Ingredientes Recheio:

- 1 vidro de palmito em rodelas
- 1 cebola grande picada
- 1 tomate sem semente picado
- 1/2 xícara de ervilhas (utilizei as congeladas)
- 1 col. chá de maizena
- sal e pimenta a gosto

Preparo Recheio:

- Frite a cebola em azeite, adicione o palmito e as ervilhas e refogue.
- Coloque o tomate e deixe por uns 3 minutos.
- Polvilhe a maizena e mexa bem. Desligue o fogo e deixe a maizena cozer no calor do fogo.
- Coloque sal e pimenta a gosto. Reserve

Montagem:

- Enrole as panquecas com o recheio, disponha em uma travessa e despeje molho por cima.
- Eu fiz uma receita de molho vermelho comum e misture duas colheres de creme de leite.
- Polvilhe queijo mussarela ou parmesão por cima.


Fica muito bom. A foto saiu péssima, reconheço, mas esse dia eu tava tão esgotada, a pilha da máquina tava acabando e só consegui tirar essas duas.

Beijos gente, boa terça.
Fla

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Polenta Cremosa com Cebolinha


Bom dia gente, tudo bem com vocês?

Vou primeiro esclarecer para quem perguntou: A Revista da Nestlé, você pode conseguir através deste link aqui, é só se cadastrar e solicitar receber a revista que é trimestral e gratuita.

Outra coisa é que eu gostaria de agradecer todos os votos de melhora para eu e minhas pedrinhas e para quem perguntou eu digo que a dor diminuiu graças a Deus, mas só na terça é que vou ao médico. Até lá é buscopan direto! Mas vai dar tudo certo. Obrigada pela corrente positiva. Vocês são 10!

Well, vamos lá então falar de receitinhas batutas!

Vasculhando a net a procura de uma receita de polenta diferente das que eu tenho, acabei fuçando no blog da Lila, minha amiga do coração, e achei essa receita ma-ra-vi-lho-sa que ela pegou do programa Chef a Domicílio com o chef Curtis Stone.

Achei mega diferente e era justamente isso que eu queria, provar algo novo, e olha, não poderia ter feito escolha melhor, porque a polenta fica megaaaaaa deliciosa. Querem ver só? Ah, só para dizer que eu fiz meia receita porque aqui somos apenas 2.

Receita original do blog Bem Família clique aqui.

Ingredientes Polenta:

- 5 xícaras de caldo de vegetais ou de galinha (usei de galinha)
- 2 xícaras de creme de leite de caixinha ou fresco (usei o de caixinha)
- 2 xícaras de leite integral (usei desnatado mesmo)
- 1 1/2 xícara de polentina ou fubá (usei fubá e utilizei 1 xícara bem cheia para fazer meia receita porque gosto dela mais durinha)
- 1 xícara parmesão fresco ralado
- 4 colheres de sopa manteiga sem sal
- 3 colheres de sopa cebolinhas frescas picadas
- Sal e pimenta a gosto

Ingredientes Molho:

- 1 calabresa cortada em cubos pequenos
- 1 cebola pequena cortada em cubos
- 4 tomates sem semente cortado em cubos
- 1 caixinha de extrato de tomate pequena
- 1/2 xícara de água
- sal e pimenta a gosto

Preparo Polenta:

- Numa panela grande misture o caldo de galinha, o creme de leite, o leite e coloque em fogo alto.
- Vagarosamente misture com um garfo a polenta na mistura cremosa bem quente.
- Mexa a polenta com um garfo com a panela em fogo médio até que comece a ferver.
- Reduza o fogo para baixo e cozinhe misturando de vez em quando por mais ou menos 45 minutos ou até que a polenta esteja espessa e cremosa sem gosto farinhento.
- Retire a polenta do fogo, misture o queijo parmesão, a manteiga e as cebolinhas.
- Tempere com sal e pimenta a gosto.

Preparo Molho:

- Em uma panela frite a calabresa em fogo baixo para que solte a gordura até que fique corada.
- Adicione a cebola e frite bem.
- Coloque os tomates e deixe na panela até que fiquem bem despedaçados.
- Junte o extrato, a água, o sal e a pimenta e deixe ferver em fogo baixo por 20 minutos.

Montagem: (por minha conta)

- Em um potinho unte com um pouco de manteiga. Coloque algumas colheradas de polenta, coloque um pouco de mussarela ralada, cubra com mais polenta e deixe esfriar por uns 10 minutos.
- Desenforme a polenta do potinho, despeje o molho por cima e polvilhe cebolinha.



Agora me diz, tem como ficar ruim? A medida toda da polenta da receita, é para uma polenta mole, caso você queira mais durinha, como eu quis, coloque mais fubá e vá testando o ponto, lembrando que depois de cozida ela fica mais durinha.

Meia receita me rendeu duas polentas iguais a esta da foto e um marinex número 0, onde eu untei, despejei toda a polenta e cobri com muita mussarela ralada.

Lila, mandou super bem em pegar essa receita do Chef Curtis e compartilhar conosco! Obrigada.

Beijos e qualquer dúvida vocês podem me escrever.
Boa semana.
Fla.

sábado, 24 de abril de 2010

Antepasto fácil

Bom dia gente, tudo bem?

Só pra avisar que a sortuda da Renata, ganhadora da promoção do dia das mães já entrou em contato comigo e na semana que vem estarei enviando o presente da bonita. =)

Então gente, vocês conhecem a revista da Nestlé? Recebem em casa? Não? Ah, vocês não sabem o que estão perdendo, porque essa revista pode chegar gratuitamente na sua casa e ela é simplesmente maravilhosa e cheia de receitas e dicas legais. Eu as coleciono e guardo com muito carinho porque são de verdade muito bacanas.

Na última edição, eles trouxeram uma receita de antepasto fácil de berinjela que eu fiquei doida pra fazer, e como eu tinha algumas berinjelinhas dando sopa na geladeira, fui correndo testar a receita que foi aprovadíssima. Quer ver só que fácil?

Ingredientes:

- 3 berinjelas em tiras
- 2 cebolas grandes em tiras finas
- 1 pimentão vermelho em tiras finas
- 1 pimentão verde em tiras finas (não usei pq não tinha)
- 1 colher chá de fondor maggi
- 1/2 xícara de água

Molho:

- 1/2 colher sopa de fondor maggi
- 1/2 xícara chá de vinagre
- 1 col. sopa de azeite
- 1/2 col. sopa de orégano
- 1/2 xícara de castaha de caju para polvilhar (eu utilizei nozes)

Preparo:

- Em uma assadeira , coloque os legumes, polvilhe o fondor maggi e despeje 1/2 xícara de água.
- Leve ao forno médio 180º, preaquecido, por cerca de 30 minutos ou até ficarem macios.

Preparo molho:

- Em uma tigela, misture os ingredientes. Retire os legumes do forno e regue com o molho, ainda com os legumes quentes.
- Guarde em um recipiente com tampa em geladeira.
- Polvilhe as castanhas de caju no momento de servir.

Delícia né? Eu esqueci de polvilhar as nozes antes de tirar a foto, mas ficou super gostoso com as nozes. E a dica, segundo a revista, é servir com pão italiano ou ciabatta ou acompanhado de rúcula picada.

Pessoal, bom final de semana, aproveitem muito!!!
Beijos,
Fla.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

RESULTADO DA PROMOÇÃO

Oieeeeeeeeeee!

Vamos então falar da ganhadora?

Eis a lista de participantes! (Clique na imagem para aumentar) Lembrando que só estão os nomes das pessoas que preencheram corretamente o comentário, informando os dados solicitados.


E a vencedora éééééé.....................





Renata - www.charmedecozinha.blogspot.com - Belo Horizonte/MG

Renatinha querida, entre em contato comigo pelo email fla.artenacozinha@gmail.com envie seu endereço até quarta-feira dia 28/04 para que possa te mandar o presente!

Obrigada a todos que participaram e aguardem que em breve teremos mais promoções!

Agradecimento especial para a Fer, minha irmã, que nos cedeu o prêmio!

Beijos e abraços,
Fla.

Falso sobá

Achou estranho o nome da receita? Pois então, você pode estranhar ainda mais se eu te disser que este prato de origem japonesa, é típico da cidade de Campo Grande/MS. Esquisito né?

Segundo o Wikipedia: "...No Brasil, a cidade de Campo Grande (Mato Grosso do Sul), foi a primeira cidade a dispor de restaurantes que servem sobás, para onde foi levado pelos imigrantes originários da ilha japonesa de Okinawa, que chegaram à cidade em 1908 e são os restaurantes dos mais tradicionais da cidade. Atualmente está presente em outras cidades, mas é em Campo Grande onde mais se encontram esses restaurantes. Em Campo Grande, o sobáde Okinawa passou a ser oferecido também na Feira Central — primeiro, reservadamente aos okinawanos e seus descendentes, depois, a todos que se interessassem — e acabou se tornando uma iguaria típica e tradicional da cidade, perdendo a ligação com a passagem do ano, pois é saboreada em qualquer época do ano".

Assim como o pastel é algo obrigatório em todas as feiras no Estado de São Paulo, o sobá é o prato servido em barraquinhas decoradas, que ficam todas alinhadas nas feiras da cidade. Outra curiosidade, as feiras em Campo Grande acontecem a noite, devido ao calor excessivo.

Vocês já devem ter lido no meu perfil que sou "campograndense de coração" porque afinal passei toda minha infância nesta cidade que amo tanto e de que tenho tanta saudade, principalmente da culinária que é recheada de pratos deliciosos como a chipa, o tereré, a linguiça de maracaju, o arroz maria izabel, etc, etc, etc.

E gente, sobá é assunto realmente sério na cidade, e existe até um curso que ensina a preparar o original, com direito a apostila e tudo, e que graças a Deus minha mãe fez e trouxe para cá, porque ficar longe do nosso sobá não é fácil.

Porém é um prato demorado de se fazer, e minha irmã acabou criando esta adaptação que fica deliciosa e muito próxima da versão original. Foi com essa receita que eu ganhei um concurso no programa Mais Você, da Ana Maria Braga. Que tal fazer o falso sobá e conhecer um pouquinho dos sabores do Mato Grosso do Sul?

Ingredientes:

- 1 pacote de miojo sabor carne
- 2 col. sopa de shoyo
- 1 col. chá de gengibre fatiado ou ralado
- 1 ovo
- 1/4 xícara de bacon
- 1/4 cebolinha picada

Preparo:

- Faça a receita do miojo com a água conforme as instruções da embalagem e reserve.
- Em uma frigideira frite o bacon até ficar dourado, retire e reserve.
- Na mesma frigideira, faça com o ovo uma omelete fina. Depois de ponta, enrole e fatie em tiras. Reserve.
- Fatie ou rale o gengibre e reserve.

Montagem:

- Coloque o miojo em uma vasilha, em um cantinho por cima coloque o bacon frito, do lado o omelete fatiado, do outro lado o gengibre, salpique cebolinha e despeje o shoyo por cima.

Fácil né? A receita original é feita com bistequinha de porco frita, então substitui por bacon, que você pode retirar se quiser, mas olha, combina pacas!

Meu eterno amor por minha Cidade Morena! =)

Espero que gostem. Ah e a Tati, do Panelaterapia, que conhece bem este mesmo prato por ser da terrinha também, postou aqui sua versão de um quase sobá.

Ahhhh, mais tarde o resultado da promoção do dia das mães, aguardem!!!

Beijos,
Fla.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Voltando...

Bom dia pessoal, tudo certinho?

Por aqui muita aconteceu neste feriado e acho que ainda tem muita coisa por vir. Resumidamente tive que encurtar a viagem e de quebra ainda fui parar no hospital, outra pedra no rim está me deixando maluca de dor, agora é esperar para fazer mais exames e depois ficar sabendo se espero a dita cuja sair por vontade própria ou se vou pra sala cirurgia mais uma vez. Feriadinho brabo esse.

Mas vamos lá, tocando em frente sempre.

Queria agradecer a participação de todos na promoção do blog e dizer que vocês ainda podem participar clicando aqui e deixando seu comentário no post da promoção. Lembrando que só serão válidos os comentários que tiverem todos os dados solicitados no post (fiquem atentos porque muita gente não colocou email para contato e portanto não poderei validar o mesmo).

Falando em promoção, eu ando numa maré de sorte que minha nossa...tô fogo viu! Risos... Primeiro foi a promoção do blog Kitutis da Cris, depois ganhei lá do Manga com Pimenta este super kit da Tirolez que eu amei (foto abaixo) e agora ganhei a promoção no blog da Soll. Hehehehe, pra quem nunca tinha sorte, até que eu ando me dando bem...risos.

Bem pessoal, é isso aí, amanhã volto a programação do blog, com váááárias receitinhas pra vocês.

Beijos e abraços,
Fla.

sexta-feira, 16 de abril de 2010

PROMOÇÃO DIA DAS MÃES!


Promoção Dia das Mães

No dia 09/05/2010, iremos comemorar o Dia das Mães, e claro que o Arte na Cozinha, não poderia deixar de homenagear essas mulheres tão especiais em nossas vidas, até porque, foi me inspirando em 3 mães maravilhosas (minha mãe e minhas duas avós), que surgiu a idéia deste blog.

E por isto, irei sortear este lindo presente: uma caixinha de costura como a da foto, com direito a tudo que vocês estão vendo aí, para que você, ganhadora da promoção, possa oferecer a alguém no Dia dos Mães ou até mesmo se presentear.

Para concorrer é só deixar um comentário neste post até as 23:59 horas do dia 22/04, com os seguintes dados: Nome, Email, Blog/Site (se tiver), Cidade e Estado.

As regras para participação são:

1. Deixar o comentário com todos os dados acima neste post até a data estipulada. Comentários sem algum destes serão excluídos automaticamente.

2. Residir no Brasil (caso alguma amiga de fora queira concorrer e deixar um endereço para entrega aqui no Brasil será aceito).

3. Valerá apenas 1 comentário por pessoa.

4. O Sorteio será feito através do Random.org

5. A divulgação do resultado e o nome do ganhador será dia 23/04 e a entrega do presente acontecerá até o Dia das Mães.

6. A vencedora irá receber um email para que me envie o endereço de entrega.

O presente é oferta da Fernanda, minha irmã, que faz o maior sucesso vendendo estas e outras caixinhas de manicure e maquiagem. Se quiserem saber mais sobre o trabalho dela é só enviar um email para
fmuraro@terra.com.br. Vocês também podem ver os trabalhos dela no orkut, é só procurar por Fernanda Muraro de Castro, lá tem uma foto mais linda que a outra!

Participem!
Boa sorte!

****************************

Estarei fora alguns dias, vou fazer uma viagem breve ao litoral para descansar um pouquinho, mas dia 22/04 eu estarei de volta.

Fiquem com Deus.
Beijos,
Fla.

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Pudim de capuccino

Oi pessoal, tudo certinho? Por aqui tudo na paz, e rezando para chega a sexta-feira logo.

Bem, não sei quanto a vocês, mas eu adoro um capuccino. Já sou viciadinha em café normalmente, então tudo que me remete a este sabor eu simplesmente amo. E meu marido também adora, por isso estou sempre em busca de alguma receitinha para agradá-lo.

Ano passado em uma viagem, pudemos experimentar esse pudim de capuccino, e para nossa sorte, na saída do restaurante, algumas das receitas estavam impressas para que pudéssemos levar e fazer em casa. Não é o máximo isso?

E eu logo tratei de pegar várias...hehe, e uma delas foi a deste pudim que fica delicioso. Quem gosta de capuccino com certeza irá adorar esta receita. E é daquelas que a gente gosta porque não demora nada para fazer, quer ver só?

Ingredientes:

- 3 ovos
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de leite
- 1 xícara de chocolate em pó
- 1 e 1/2 colher de sobremesa de café solúvel

Preparo:

- Liquidifique os ovos, o leite condensado, o leite, o chocolate e o café até ficar bem homogêneo.
- Coloque em uma forma e leve para assar em banho maria por aproximadamente 35 minutos.
- Leve para gelar por 4 horas e desenforme para servir.

Calda:

- Se desejar poderá despejar uma calda feita com 200 gr. de chocolate meio amargo e 100 ml de água. Leve ao fogo para derreter o chocolate e deixe ferver. Desligue, espere esfriar e despeje sobre o pudim.

Fala sério, mega fácil né? Eu não fiz a calda porque não tinha o chocolate em casa, mas só o pudim já ficou bom. Os créditos da receita são do SESC Bertioga.

É isso gente.
Amanhã irá rolar uma super surpresa aqui no blog. Não percam!

Beijos,
Fla.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Um programa de tv interessante.

Bom dia pessoal, tudo certinho?

Então, acho que a grande maioria das pessoas que se interessam por culinária, adoram um programa sobre o assunto não é mesmo?

Niggela Lawson, Jamie Oliver, Curtis Stone, Olivier Anquier, Claude Troisgos, Ana Maria Braga, Daniel Bork, Edu Guedes, etc, etc, etc, são sem dúvida os mais vistos e os mais comentados. Mas também existem alguns que passam esporadicamente e são tão bons quanto: Comida.Org (com receitas feitas só com alimentos orgânicos) e Tá na época. Sem falar de alguns inesquecíveis como nossa amada Ofélia, Benjamim Abrãao e a confeiteira argentina Marta Balina.

Pois é, não tem pra onde fugir, se você tem televisão em casa, hora ou outra vai acabar parando em um canal onde esteja passando uma receitinha batuta.

Em casa, óbvio, não é diferente. E o mais legal é que até o marido, de tanto me ver assistir, agora embarca na minha onda e vira e mexe está comigo vendo alguma receitinha e até comentando...risos.

E é sobre um programa que começou a ser exibido na semana passada chamado "O Laboratório Gastronômico de Jimmy" que eu vou postar hoje.

Jimmy é um fazendeiro que irá tentar desvendar o que há por trás da indústria alimentícia, e tentará provar, a cada episódio, por A + B, que comida boa e saudável, é aquela feita em casa, com o mínimo de produtos industrializados possíveis.

No primeiro episódio, Jimmy, que faz sua própria comida de "mercado" dentro de um celeiro, reproduziu e mostrou como são feitos os famosos cereais de milho e também o café instantâneo. E no meio de um monte de bugigangas e equipamentos, ele mostra como são realmente fabricados estes produtos, e passa informações um pouco "chocantes", principalmente no que diz respeito a vitaminas, minerais e outras substâncias contidas nestes produtos.

Quer saber mais sobre o programa? Acesse http://gnt.globo.com/O-Laboratorio-Gastronomico-de-Jimmy/index.shtml e não percam o próximo episódio.

Fica a dica.
Beijos,
Fla.

terça-feira, 13 de abril de 2010

Macarrão com funghi secchi


Bom dia gente!

Então, ontem eu disse que hoje postaria a receita do macarrão que fiz no dia do niver do marido né? Pois então, eu já postei essa receita há tempos atrás neste post, mas vou colocar aqui de novo caso você não queira ir até o outro post.

Eu sou doida por funghi secchi. Apesar de por aqui ser bem carinho se eu acho eu compro, porque ele dura bastante tempo e fora que rende absurdo né?

Essa é sem dúvida a minha receita favorita de macarrão ao funghi e eu espero que vocês gostem! Vamos lá?

Ingredientes:

- 1 pacote de macarrão (penne, fusilli ou talharim)
- 50 gr. de funghi secchi
- 2 col. sopa de margarina ou manteiga
- 1 cebola pequena picada
- 1/2 xícara chá de vinho branco seco
- 2 col. sopa de farinha de trigo
- 2 xícaras chá de caldo de carne
- 2 xícaras chá dá água do funghi
- 2 xícaras chá de creme de leite fresco
- sal e pimenta a gosto
- queijo parmesão ralado

Preparo:

Etapa 1 - O funghi

- Coloque o funghi de molho em 2 xícaras de água quente. Deixe por meia hora e procure não movimentar o recipiente, porque o dito do cogumelo tem terra e ela vai toda para baixo. Após este tempo, retire com cuidado o funghi e pique em pedaços. Reserve.
- Em um coador de café passe a água do funghi pelo filtro de papel por umas 2 vezes (ok, dá trabalho, mas ninguém vai querer comer terra né?!) Reserve.


Etapa 2 - Caldo de carne

- Essa é fácil. Coloque duas xícaras de água e um tablete de caldo de carne para ferver. Após derreter o caldo, desligue o fogo e reserve.

Etapa 3 - O molho

- Em uma panela derreta a manteiga e frite a cebola até começar a ficar transparente. Acrescente o funghi e frite bem.
- Coloque o vinho e deixe evaporar até sobrar algo em torno de 1 colher de sopa de caldo. Coloque o caldo do funghi e deixe levantar fervura.
- Misture a farinha no caldo de carne e despeje na panela. Deixe ferver até engrossar. O molho não chega a ficar grosso como um creme, mas fica bem consistente.
- Depois é só misturar o creme de leite fesco, que até pode ser substituído pelo de caixinha mas sinceramente não é a mesma coisa, e deixe na panela por uns 10 minutos.

- Lembrando que creme de leite fresco, assim como de caixinha, podem ir ao fogo e levantar fervura. O de latinha não pode porque talha.
- Pois bem, depois de pronto o molho é só corrigir o sal, colocar uma pimentinha caso queira e misturar ao macarrão que a esta altura já deve estar cozido.


Dessa vez eu utilizei talharim fresco da marca MassaLeve que eu adoro, mas poderia ser qualquer um ok?

Bom, vou lembrar novamente que sexta-feira teremos novidade aqui no "broguinho".

Beijos e lindo dia.
Fla.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Filét mignon ao molho de chimi-churri


Bom diaaaaaaaaaaaa! Como foram de final de semana? Tudo certinho? Espero que sim. O meu foi tudo tranquilo graças a Deus, e agora estou aguardando a próxima sexta-feira...hehe.

Então, primeiro gostaria de dizer a vocês, que a Carina do Na Cozinha da Carina, está fazendo uma super promoção para comemorar seus 500 posts. Se você quiser participar clique aqui, participe e aproveite para conhecer o blog desta menina gente fina.

E aí que semana retrasada foi niver do marido e eu claro não poderia deixar passar em branco né? Como o niver foi sábado e a festinha ia ser no domingo, resolvi fazer um jantarzinho para nós dois. Como não é difícil agradar o marido, resolvi fazer o que ele mais gosta: carne.

Eu comprei um temperinho que eu adoro e que se chama chimi-churri que é de origem Argentina e é composto por: salsinha, alho, cebola, tomilho, orégano, pimenta vermelha moída, pimentão, louro, pimento do reino preta, mostarda em pó, todos secos e desidratados, e que misturados a azeite do bom, vira um molho maravilhoso que os nossos "hermanos" utilizam para acompanhar principalmente carnes.

E foi a partir deste temperinho danado de bom, que eu resolvi começar a elaborar minha receita. Então, fui até o açougue e comprei 4 bifés altos de filé mignon.

Comecei temperando os bonitinhos 1 hora antes de levá-los ao fogo, e para isto utilizei: 4 dentes de alho picadinhos, 1/2 col. sobremesa de tempero pronto (ou se preferir utilize sal a gosto), 1 col. sopa de mostarda escura e 1 col. chá de chimi-churri. Misture tudo e passe em todos os bifes. Deixe em um recipiente fechado e deixe reservado por 1 hora.

Depois é só aquecer uma frigideira com azeite e fritar os bifes 1 a 1. Deixe cerca de 4 minutos de cada lado ou mais se quiser bem passado. Vá reservando os bifes e caso comece a pegar o fundo da panela coloque pingos de vinho branco seco (vai por mim que fica show).

Quando todos os bifes estiverem prontos, aqueça-os levemente no forno e enquanto isso na frigideira que você fritou os bifes coloque 1 col. de azeite e frite mais 1 dente de alho laminado. Depois coloque 1 col. sopa de chimi-churri e coloque 1/4 de vinho branco seco. Deixe evaporar um pouco e adicione 1 xícara de creme de leite fresco. Deixe levantar fervura e desligue.

Sirva os filés quentinhos e despeje um pouco do molho em cima de cada um deles.

Óh, o trem ficou bom, mas ficou bom, que eu vou ter que repetir em breve por que o marido pediu, e se ele pediu, eu faço...heheh.

Amanhã vou falar do macarrão que fiz para acompanhar esta receita.

Ah simmm, sexta-feira teremos uma novidade aqui no blog, não percam!

Espero que vocês gostem.
Beijos,
Fla.

sábado, 10 de abril de 2010

Ajuda ao Rio de Janeiro

Gente, a pedido da querida Fabiana, do Figos e Funghis, hoje vou participar da blogagem coletiva para ajudar as vítimas da enchente do Rio de Janeiro. Acho que se cada um puder fazer um pouquinho, juntos conseguiremos ajudar estas pessoas que perderam tudo de forma tão trágica.

Segue post da Fabi.

******************


Oi pessoal, o post de hoje é um apelo para quem mora aqui no Brasil e tem possibilidade de ajudar as vítimas dos desastres no Rio de Janeiro, que aconteceram esta semana como temos acompanhado. Muitas pessoas ficaram sem suas casas, sem seus pertences e sem seus familiares, infelizmente.

Estas pessoas, que apesar de tudo conseguiram sobreviver agora precisam de nossa ajuda para poderem erguer a cabeça e começar tudo denovo. Qualquer coisa neste momento ajuda: roupas, calçados, alimentos não perecíveis, água mineral, produtos de higiene pessoal, colchonetes, cobertores, enfim, eles precisam de tudo, e se cada um de nós conseguir fazer um pouquinho que seja, tenho certeza que o resultado será minimizar a dor dessas pessoas que estão sofrendo tanto.

Vou colocar aqui uma lista dos pontos de recolhimento de doações nas capitais do RJ, MG e SP que estão divulgando arrecadação de doações. Assim, se você quiser e puder ajudar colaborando com aquela roupa que você não usa mais, aquele calçado que está esquecido no seu armário, alimentos que estão na sua despensa, ou com qualquer outra coisa, já saberá onde entregá-las. Para quem quiser informações detalhadas sobre postos de atendimento no RJ, o blog http://amorepazsemfronteiras.blogspot.com/ tem mais informações.

Ontem eu estive no Estádio do Morumbi, aqui em SP fazendo a minha doação, e os arrecadadores das doações disseram que o que eles menos receberam até aquele momento eram calçados, produtos de higiene pessoal e água mineral.

DOAÇÃOES DE ROUPAS E ALIMENTOS:

Em Belo Horizonte/ MG – Avenida Prudente de Morais, n.º 44 – Sala 503 e na Rede Super – Avenida Olegário Maciel, n.º 2181 – Lourdes, Belo Horizonte/MG.

Em Niterói/RJ - Igreja Evangelica Cristã Aliança: Rua Desembargador Lima Castro, n.º 126 – Loja 106 – Fonseca – Essa igreja fez parceria com a Associação dos moradores para arrecadações. Quem preferir depositar a doação pode fazer na conta da igreja: Banco Itaú – Ag. 5649 – C/C: 00093-1.

Igreja Metodista em Icaraí: Rua Mariz e Barros, n.º 163, Niterói/RJ – CEP: 2612-1143.

Em São Paulo/SP - No Estádio do Morumbi, foi montada uma tenda no estacionamento para receber as doações, no estacionamento do Portão 1. A tenda funcionará das sete da manhã às oito da noite, até domingo (11/04), quando as carretas sairão do local levando o material a ser entregue ao governo do Rio. A expectativa é arrecadar até 400 toneladas.

Em todas as lojas dos hipermercados Walmart.

Nas rodoviárias do Tietê, Barra Funda e também na Rodoviária de Campinas/SP.

PROPOSTA SOLIDÁRIA AOS BLOGUEIROS: Vamos fazer uma blogagem coletiva solidária pelos desabrigados do RJ? Se cada um dos leitores que tiver um blog puder copiar e colar esta minha postagem e divulgar os endereços de arrecadação, muito mais pessoas ficarão sabendo das doações e poderão contribuir também!

Se alguém souber de mais pontos de arrecadação em outras capitais do país por favor me avisem que eu vou atualizando o post.

Obrigada!
Fabiana Pinfildi


************************


É hora de ajudar pessoal!
Beijos,
Fla.

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Torta gelada de abacaxi, doce de leite e coco


Não é bom ter amigos? Eu acho! Reais ou virtuais, meus amigos tem uma importância enorme na minha vida. As vezes numa atitude tão simples, eu percebo uma prova de carinho e atenção enormes! Quer ver só?

Nós, amigas do Papo de Comadres, sempre nos ajudamos em qualquer situação que seja, as vezes em coisas difíceis, e as vezes em coisas bem corriqueiras. Semana passada por exemplo, eu pedi um help as minhas queridas comadres, porque tinha que fazer uma sobremesa para levar na sexta-feira santa na casa da minha mãe e eu não tinha ideia do que fazer. Mas sabia o que eu precisa utilizar: um pote de doce de leite.

Não tive dúvidas, consultei minhas queridas e choveram ideias ótimas! Não é um carinho gostoso receber as receitas das minhas amigas que queriam me ajudar?! Eu acho viu!

Entre todas as delícias que recebi, optei por favor a receita da comadre Jéssica, uma querida amiga, que está grávida de seu segundo neném, e que sempre está pronta a nos ajudar. A Jéssica disse que iria fazer uma torta de abacaxi com doce de leite, e quando ela nos explicou a receita, não tive dúvidas, já sabia que o que iria preparar, e fiz muito bem, querem ver só que delícia? Ah, só lembrando que fiz algumas alterações na receita original e vou publicar como eu fiz ok?

Ingredientes:

- 2 pacotes de bolo pronto sabor abacaxi (ela indica utilizar pão de ló)
- 1 abacaxi médio cortado em cubos pequenos (sem o miolo)
- 1 pote de 700 gr. de doce de leite com coco
- 50 gr. de coco ralado sem açúcar
- 1/2 xícara de açúcar
- 1/2 xícara de água
- 1 receita de creme branco (abaixo)

Creme branco:

- 700 ml de leite
- 1/2 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite
- 1 gema
- 2 col. cheias de maizena
- 1 col. café de baunilha
- 1 embalagem de gelatina em pó incolor e sem sabor

Preparo:

Abacaxi com calda:

- Coloque o abacaxi em uma panela com o açúcar e a água e deixe ferver por uns 5 minutinhos. Espere esfriar e reserve.

Creme:

- Dissolva a maizena no leite e coloque em uma panela.
- Adicione a gema, o leite condensado e a baunilha.
- Leve ao fogo baixo até engrossar, cerca de 20 minutos.
- Vai ficar um creme não muito grosso. Então desligue o fogo, misture o creme de leite e deixe esfriar por uns 20 minutos.
- Depois acrescente a gelatina hidratada conforme as instruções da embalagem e mexa bem.

Montagem da torta:

- Pegue uma forma de fundo removível e forre com papel manteiga as laterais e o fundo da forma.
- Fatie um dos bolos em fatias não muito finas e forre o fundo da forma.
- Coloque um pouco da calda do abacaxi por cima do bolo.
- Espalhe metade do doce de leite sobre o bolo.
- Despeje metade do abacaxi picado.
- Cubra com metade da receita do creme branco.
- Coloque o outro bolo fatiado sobre o creme.
- Umedeça com mais um pouco de calda.
- Coloque a outra metade de doce de leite, o abacaxi picado e termine com o creme branco.
- Leve para gelar por 6 horas.
- Desenforme com cuidado, retire o papel manteiga das laterais da forma e polvilhe o coco ralado.


Bemmmmm, acho que deu pra entender né? Garanto que fica uma delíciaaaaa! Todo mundo aprovou e repetiu. Jéss querida, obrigada pela receita, foi pro caderninho com louvorrr e estrelinhas! Ah e se você quiser, pode também passar um chantilly em volta para ficar mais bonitinho, eu resolvi deixar assim mesmo.

Bom pessoal, é isso que temos por hoje. Desejo a todos vocês um final de semana excelente!
Até segunda.
Beijos,
Fla.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Macarrão com salsicha

Bom dia pessoal, tudo bem com vocês? Por aqui tudo certinho graças a Deus!
E quem é que nunca apelou para o macarrão com salsicha? Ah sim, tem a turma que não come salsicha e por isso nunca irá fazer este prato, porém, pessoas que como eu, vivem numa correria sem tamanho e as vezes só tem alguns minutos para fazer um jantar, com certeza já se viram diante de um pacote de macarrão e um de salsicha...hehe.

E pra falar bem a verdade, em casa eu faço porque nós gostamos mesmo. É prático, tem sabor de comida de criança e é rapidinho de fazer. Então, se não tenho muita opção, eu apelo para esse macarrãozinho supimpa...risos.

Ingredientes:

- 250 gr. de macarrão de sua preferência
- 1 lata de molho pronto
- 1/2 lata de água
- 2 tomates picados
- 1 cebola picada
- 1 col. sopa de azeite
- 1 col. sopa de ketchup
- sal e pimenta a gosto
- 1 pacote de salsichas cortadas do modo que preferir

Preparo:

- Cozinhe a massa em água e sal e reserve.
- Em uma panela aqueça o azeite, frite a cebola até ficar murcha.
- Junte o tomate picado e deixe que ele fique bem desmanchado.
- Adicione a lata de molho de tomate, a água e o ketchup e deixe ferver por uns 15 minutos.
- Enquanto isso, ferva as salsichas em água por uns 3 minutos. Retire e reserve.
- Quando o molho estiver pronto, acrescente as salsichas e deixe por mais uns 5 minutos em fogo baixo.
- Ajuste o sal e a pimenta a gosto.
- Misture o molho ao macarrão e sirva polvilhado com queijo ralado.

Êêêêê, coisa boa! Hehehehe. Sabe que teve uma época na casa da minha mãe, quando eu era solteira, que eu fazia muito almoço, e acho que na grande maioria das vezes eu fazia macarrão com salsicha...risos. Coitada das moças que trabalhavam em casa naquela época...hahaha, Rose e Vilma sofriam tadinhas...risos.

É isso gente. Não podemos dizer que seja uma comida saudável, mas as vezes pode né?!

Lindo dia pra vocês!
Beijos,
Fla.

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Salmão com lemmon & pepper

Olá, tudo certinho com vocês? Espero que sim!

Então, a ideia aqui em casa é que ao longo das semanas a gente inclua mais peixe na nossa alimentação, por um motivo bem óbvio: é extremamente saudável. Mas tenho alguns obstáculos a enfrentar nessa nossa (minha e do marido) empreitada.

Primeiro, eu não como qualquer peixe. Tenho pânico de espinhos de peixe! Então sardinha por exemplo, nem com reza brava. Não vai, não adianta. Segundo, eu não como atum ou qualquer semelhante enlatado (nem fresco...hehe). Terceiro, bacalhau é coisa que passo longe, amei todas os posts de bacalhau que eu vi na semana da páscoa, até comentei que fico com vontade de provar, mas no fim, não vai. Quarto, peixe com molho é dureza, não vai também. E quinto e último...o preço, peixe no Brasil é uma coisa muitoooo cara, infelizmente, então preciso pesquisar algo que caiba no meu bolsinho.

Pois é, já viram que vai ser difícil eu conseguir, e tenho que me virar buscando peixes diferentes, e sabores diferentes, porque senão eu fico na merluza, na tilápia e no salmão.

E você se pergunta: "Tá bom o menina chata, e como você gosta de comer peixe?" e eu te respondo: Frito! Ou seja, o "saudável" do peixe fica para trás né?! Aí complica.

Pois então, você querido leitor deste blog, se tiver alguma receita boa de peixe e quiser me enviar eu agradeço de coração! =)

Bom, mas como eu peguei um preço bom de salmão no Extra no meio do mês passado, tratei de trazer dois filés do bichinho pra casa e um deles utilizei para fazer esta receita que ficou diliça! Quer ver só?

Ingredientes:

- 1 filé inteiro de salmão
- 1 col. sopa de lemmon & pepper
- 1 col. sobremesa de sal grosso
- suco de 1 limão
- 4 col. sopa de azeite

Molho agridoce:

- 2 col. sopa de mostarda
- 1 col. chá de mel
- 2 col. sopa de limão
- 1 col. sopa de shoyo
- 1 col. café de sal
- 2 col. sopa de cebolinha picada

Preparo:

- Coloque o filé inteiro em uma assadeira (eu coloco papel alumínio por baixo para não grudar nada na assadeira), regue com o azeite, o suco de limão, o lemmon & pepper e o sal grosso.
- Leve ao forno médio por 30 minutos.
- Misture todos os ingredientes do molho e sirva por cima do peixe.

Óh, que fácil minha gente. O molho eu fiz porque eu e o marido adoramos comida agridoce, mas fica a critério de vocês ok?

Pra quem não conhece, "lemmon & pepper" é uma mistura de casquinha de limão siciliano e pimenta do reino preta moída e é bom demais! Aqui em Sorocaba eu acho em um Empório que tem no Novo Mercadão do Campolim.

Bom, vamos ver o que farei com o outro pedaço de filé de salmão que tenho no freezer. Aceito sugestões!

Beijos pessoal.
Um lindo dia pra vocês.
Fla.

terça-feira, 6 de abril de 2010

Frango com quiabo


Bom dia pessoal, tudo certinho? Por aqui o dia amanheceu nublado, um friozinho delicioso, mas que deixa a gente com um sono fenomenal!

Então, semana passada eu tinha um peito de frango na geladeira de bobeira, e não sabia muito bem o que fazer com ele. Eis que resolvo ir até a quitanda e me deparo com um quiabos novinhos, fresquinhos e lindos. Aí não tive dúvida, pensei em inventar uma receita de frango com quiabo, porque eu nunca tinha feito e minha internet estava fora para eu tentar procurar algo.

Meu maior medo era que o quiabo ficasse "babento", mas aí lembrei que sempre via minha mãe colocando um pouco de vinagre para quebrar a baba do danado e utilizei do mesmo recurso. Ainda ficou um pouquinho mas eu não ligo tanto assim, o importante mesmo é ficar gostoso.

Vamos a receita?

Ingredientes:

- 1 peito de frango cortado em cubos
- 2 xícaras de quiabo cortado em pedaços de 2 cm +/-
- suco de 1 limão
- 1 col. sobremesa de colorau
- 1 col. sopa de molho shoyo
- 1 col. sobremesa de vinagre
- 1 col. chá de pimenta calabresa seca
- 2 col. sopa de azeite
- 4 dentes de alho picados
- sal a gosto

Preparo:

- Tempere o frango com o limão, o colorau, o shoyo, o alho e o sal. Deixe tomar gosto por cerca de 30 minutos na geladeira.
- Aqueça uma panela com o azeite e coloque o frango. Deixe corar e cozinhar bem.
- Depois que o frango estiver cozido, despeje o quiabo, acrescente o vinagre e vá mexendo até que fique cozido.
- Se for preciso, vá pingando água para não pegar no fundo da panela, coloque a pimenta e corrija o sal.

Moleza né? Eu sei que a receita mineira mesmo de frango com quiabo deve ser bem mais elaborada e feita numa panela de ferro deve ficar mais gostosa, mas eu não tenho nem panela de ferro e nem tempo para receitas muito elaboradas...risos, então faço do jeito mais rápido que fica muito bom também.

Servi com um arroz fresquinho e couve fritinha com alho, precisa mais? Acho que não né?!

É isso gente, boa terça pra vocês.
Beijos,
Fla.

Vacinação contra H1N1

Amigos do Brasil, vocês já se vacinaram contra a gripe H1N1?

Não? Então fique atento ao calendário de vacinação e não deixe para depois.

A sua saúde vale muito! Eu já fiz a minha parte!

Maiores informações acesse o site http://portal.saude.gov.br/portal/saude/area.cfm?id_area=1616

Beijos,
Fla.

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Broinhas de fubá

Bom dia pessoal! Tudo bem com vocês? Passaram bem de feriado? Ganharam muitos ovos do coelhinho da Páscoa?

Por aqui foi tudo tranquilo graças a Deus. Juntamos a comemoração do niver do marido e da Páscoa para reunir toda a família (minha e dele), almoçamos num restaurante bem gostoso, fomos para nossa casa comer um bolo delicioso, meus sobrinhos brincaram bastante, a bagunça foi enorme, mas tava muito gostoso.

Agora é recomeçar porque tenho muito trabalho pela frente. Ah sim, e preciso colocar as visitas em ordem também, prometo que ao longo da semana vou visitar todos vocês tá?

Olha, essa receitinha de hoje quem nos deu foi uma tia minha, e faz um super sucesso em casa. Aliás fiz essa receita para trazer aqui no trabalho e todos adoraram e já até me cobraram repeteco. É super simples de fazer, a receita toda rende que é um absurdo e é deliciosa.

Vou passar a receita inteira, mas eu fiz meia receita e rendeu aproximadamente 50 broinhas pequenas. Vamos lá.

Ingredientes:

- 1/2 quilo de fubá
- 1/2 quilo de açúcar
- 1/2 quilo de farinha de trigo
- 3 ovos
- 1 gema para pincelar
- 2 col. sopa de fermento
- 250 gr. de margarina
- erva-doce à gosto
- +/- 1/2 copo de requeijão de leite

Preparo:

- Misture todos os ingredientes e faça bolinhas.
- Pincele as gemas e coloque para assar deixando uma distância entre uma bolinha e outra
- Deixe assando em forno médio por +/- 30 minutos.
- Utilize a colher de sopa como medida.

Fácil fácil né? Eu ainda resolvi colocar uns pedacinhos de goiabada na última fornada, que por sinal eu deixei queimar um bocadinho...rs...culpa da novela que tava interessante...rs.

Ótima pedida para um dia chuvoso como hoje!

Boa semana pra todos vocês!
Beijos,
Fla.

sábado, 3 de abril de 2010

Parabéns meu marido!

Eu te amo e desejo à você o que existe de melhor no mundo sempre. Não vejo um jeito melhor de declarar meu amor por você, senão emprestando um pouco as palavras desta música.

"Não me canso de falar que te amo
E que ninguém vai tirar você de mim
Nada importa se eu tenho você comigo
Eu por você faço tudo
Pode crer no que eu digo
Sou feliz e nada mais me interessa
Não vou ser triste e nem chorar por mais ninguém
Esqueço tudo até de mim
Quando estou perto de você
Eu fico triste só de pensar em te perder

O nosso amor é puro, espero nunca acabar
Por isso meu bem até juro
De nunca em nada mudar
Mas se ficar um só momento sozinho sem te ver
Eu fico triste só de pensar em te perder

O nosso amor é puro, espero nunca acabar
Por isso meu bem até juro
De nunca em nada mudar
Mas se ficar um só momento sozinho sem te ver
Eu fico triste só de pensar em te perder
Em te perder, em te perder."

(Ninguém vai tirar você de mim - Vander Lee)


Fá, parabéns! Felicidades, alegrias, saúde, sorte, realizações, sucesso e a certeza do meu maior amor que é seu, e será sempre seu. Te amo!

Na foto, você e o outro homem que posso dizer a vontade que amo e que você nem vai ficar com ciúmes, o nosso sobrinho lindo Artur.

Beijos,
Fla.