terça-feira, 21 de novembro de 2017

Costela na pressão com cebola e vinho tinto


Meu avô foi açougueiro por muitos anos! Quem é de Sorocaba e morava na Vila Santana por meados dos anos 70, certamente deve se lembrar do Açougue Santana. E seu Diogo era daqueles que conhecia todos os cortes de carne mas valorizava a carne de segunda, principalmente as carnes próximas ao osso. Cresci ouvindo ele dizer que carne boa mesmo, era a de segunda e a melhor carne, a costela.

Durante anos ouvi histórias dos clientes, sobre as linguiças que ele fabricava, sobre o torresmo que ele vendia e que a clientela fazia fila pra comprar... E por isso, cada vez que vou para a cozinha preparar um prato assim, é impossível não me lembrar dele. O prato é simples de tudo como ele gostava e cheio de sabor! 

Tudo foi preparado na pressão o que agiliza bastante o tempo, até porque a carne da costela é bem dura e requer algum tempo para o cozimento. O importante aqui é lembrar que o sabor que fica nesse caldo é o grande diferencial do prato, e que, por ser uma carne bem gordurosa, é importante gelar este caldo para tirarmos a maior parte da gordura dele.

Bom, vou explicar tudo direitinho aqui, mas não deixe preparar essa delícia!!!

Ingredientes:

- 1.5 Kg de costela cortada em cubos grandes
- 4 cebolas grandes fatiadas em rodelas
- 4 dentes de alho picadinhos
- 300 ml de vinho tinto
- 300 ml de água quente
- 4 batatas pequenas em cubos grandes
- sal e pimenta do reino à gosto
- 2 folhas de louro
- 1 col. café de cominho

Preparo:

- Peça ao açougueiro uma parte mais carnudinha de costela e peça para que ele já corte em cubos grandes;
- Tempere a carne com sal ou tempero caseiro à gosto, pimenta e o cominho;
- Em uma panela de pressão grande doure os pedaços de costela aos poucos e vá reservando uma tigela;
- Quando terminar esta etapa, abaixe o fogo e forre o fundo da panela com uma parte da cebola, por cima coloque metade da costela, o alho picadinho, mais uma parte da cebola, a outra metade da costela e cubra com o restante da cebola;
- Despeje o vinho tinto, a água quente e coloque a folha de louro. Leve a pressão em fogo médio por 40 a 50 minutos ou até que a carne fique macia;
- Retire a costela da pressão, reserve a carne;
- Coloque o caldo todo em uma tigela e leve para o congelador ou freezer por 45 minutos ou para a geladeira por 2 horas. Vai depender do seu tempo...
- Passado esse tempo, retire com uma colher a camada de gordura que estará por cima do caldo. Você vai conseguir retirar boa parte da gordura. Pode ser que o caldo esteja gelatinoso, é normal, e cuidado para não retirar parte dele ao invés da gordura;
- Volte o restante do caldo para a panela, aqueça bem e coloque as batatas em cubo para cozinhar neste caldo. Deixe em fogo algo e assim que as batatas estiverem cozidas, retorne a costela na panela, acerte o sal se precisar, e mantenha aquecido até a hora de servir.

Rendimento: Serve 3 pessoas
Tempo de preparo: 2 a 3 horas
Grau de dificuldade: Fácil


Existem outros processos de gelar este caldo, mas eu até tentei um com a concha e gelo, mas sinceramente, não curti e optei pelo método tradicional mesmo. E olha, se você achar que é muito caldo para seu prato, guarde um tanto dele antes de colocar as batatas para fazer um risoto ou algum outro prato depois.

Espero que vocês tenham gostado!
Beijos,
Fla.

Um comentário:

  1. Que excelente sugestão,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário!
O mesmo estará disponível após liberação.