sábado, 17 de dezembro de 2011

Ganhador Promoção Tirolez

Primeiro lugar gostaria de agradecer mais uma vez a Tirolez pela parceria e confiança no Arte na Cozinha!

E depois gostaria de agradecer todas as pessoas que participaram! Valeu mesmo! E peço desculpas não ter publicado o ganhador ontem mas trabalhei até as 23:00.

E agora para acabar com o suspense... quem ganhou foiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii....

Nane Cabral

Nane, parabéns querida! Que você aproveite seu kit e depois nos mostre as delícias que vez. Peço que encaminhe o quanto antes seu endereço para entrega ok?

Obrigada a todos pela participação!

Beijos,
Fla.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Promoção Kit de Queijos Tirolez

A Tirolez quer deixar seu Natal muito mais gostoso, porque afinal de contas, com as delícias que só a Tirolez oferece no mercado, você terá muitas ideias de cardápio para sua ceia e o sucesso será garantido!

Para concorrer é fácil, basta você preencher o cadastro abaixo com seu nome e e-mail até o dia 16/12 às 10:00. E se você também quiser me ajudar a ganhar um kit igual ao seu, é só clicar neste link www.tirolez.com.






Você vai ficar de fora dessa? Nem pensar né!
A divulgação do ganhador acontecerá dia 16/12 às 20:00 e a entrega é de responsabilidade da própria Tirolez. Só poderão participar pessoas residentes no Brasil.

OBSERVAÇÃO: SÓ SERÃO ACEITAS INCRIÇÕES ATRAVÉS DO FORMULÁRIO ACIMA. PORTANTO NÃO DEIXEM DADOS NOS COMENTÁRIOS DESTE POST, APENAS NO FORMULÁRIO ACIMA.

Boa sorte a todos!
Beijos,
Fla.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Arroz com frango, pequi e queijo

Depois de 10 dias comendo muito lanche, pizza e snacks de todo e qualquer tipo, meu organismo estava suplicando com uma comida de verdade. Sei que existem lugares maravilhosos para se comer nos Estados Unidos, e eu visitei alguns dos quais amei, mas a verdade é que eu, como turista, não tenho horário pra absolutamente nada e quando a fome bate de verdade, eu vou na opção mais próxima e mais rápida, traduzindo, fast food.

Antes mesmo de voltar já havia pedido para minha mãe preparar uma janta esperta para mim: arroz, feijão, bistequinha de porco e salada de tomate. Jesus como eu comi! Parecia que fazia meses que eu não comia tão bem...risos. E em casa a coisa continuou, estou há mais de 15 dias sem comer um fast food sequer! êêêê viva eu!

Mas como a gente não vive só da comidinha da mãe da gente, voltando pra casa tratei de ir pro fogão preparar um almocinho gostoso com os poucos ingredientes que habitavam minha geladeira, e esse arroz ficou 10!

Ingredientes:

- 1 peito de frango cortado em cubos
- 1 1/2 xícara chá de arroz cru
- 1 tomate sem pele e sem simente picado
- 1 cebola pequena picada
- 4 dentes de alho picados
- 1/2 xícara chá de pequi em fatias (opcional)
- cheiro-verde à gosto
- 1 col. chá de azeite
- 1 xícara chá de queijo em cubinhos (muçarela ou queijo meia cura, eu utilizei o meia cura)
- sal e pimenta a gosto
- 1 envelope de sazón amarelo (opcional)

Preparo:

- Tempere os cubos de frango com limão, pimenta e sal e deixe tomar gosto por no mínimo 30 minutos.
- Aqueça o azeite em uma panela e frite os cubos de frango até que comecem a pegar no fundo da panela e esteja bem cozido.
- Retire o frango da panela e reserve.
- Na mesma panela coloque a cebola e o alho e frite um pouco.
- Adicione o arroz, o sazón, o tomate e o pequi, frite bem, adicione água suficiente para cozer o arroz.
- Depois de cozido, volte o frango refogado para a panela, misture bem e adicione o cheiro-verde à gosto e corrija o sal se necessário.
- Misture os cubinhos de queijo e sirva em seguida ainda quente.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos
Grau de dificuldade: Fácil

Comidinha bem caseira, simples e saborosa, tudo que eu precisava e continuo precisando. =)

Bom estar de volta! =)
Obrigada pelo carinho de sempre!
Ótima semana.
Bjs,
Fla.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

De volta e com aniversário!

Sim, estou de volta! Meio fora de órbita ainda é bem verdade, recolocando as coisas no lugar, reorganizando a vida, mas logo logo estarei de volta com as postagens, receitinhas e novidades.

E hoje é meu aniversário! Viva eu! Hehehe.
Completo 29 aninhos e graças a Deus não posso reclamar do meu último ano e apesar das dificuldades no trabalho, dos novos desafios que ocuparam minha vida, Deus permitiu com que eu passasse mais este ano com saúde, ao lado da minha família que eu tanto amo e dos meus amigos que são tão importantes pra mim.

Eu escolhi esse dia para retornar ao blog por um motivo simples, vocês, que passam por aqui, também são parte importante da minha vida e poder comemorar mais essa data com vocês faz meu coração ficar ainda mais feliz.

Ah sim, depois eu volto contando da viagem. Foi um presente de aniversário antecipado. Eu e meu marido estivemos em Las Vegas / Los Angeles e aproveitamos uma rápida viagem de 10 dias onde além de conhecer lugares maravilhosos, pudemos passar um tempo só nosso, sem pensar em nada mais além de nos divertirmos. Olha eu aqui na foto, em frente as fontes do belíssimo hotel Bellagio!


É isso. Obrigada por tudo sempre, tenho um carinho enorme por cada um de vocês!

Beijos,
Fla.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Férias...


Pois é, eu e o Arte na Cozinha vamos sair de férias... ficaremos ausente até dia 21/11. Vou viajar, conhecer lugares novos, aproveitar a vida porque ela passa rápido demais. 

Marido e eu estamos de verdade muito cansados. Diversas coisas aconteceram nos últimos meses e eu preciso parar, respirar, pensar e claro, descansar. Se Deus quiser volto em breve cheia de novidades, fotos de lugares diferentes, comidas boas... e óbvio que vou trazer presentinhos pra vocês né?!

A promoção que ia ao ar essa semana vai ficar para quando eu voltar, assim organizo tudo mais tranquilamente. Mas aguardem porque para o final do ano teremos muitassssssss promoções!

Então é isso! Cuidem-se, fiquem com Deus e até breve!
Beijos,
Fla.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Risoto de calabresa e gouda

Oi gente, em primeiro lugar queria agradecer a todos os recados carinhosos no post sobre a nossa querida Welze. A manifestação das blogueiras foi uma coisa linda de ler, e pudemos perceber o quanto ela foi especial para todas nós. Agora vamos seguir com as lembranças não é mesmo? E vamos continuar orando pela família dela. Obrigada mais uma vez.

Tocando o barco, a cozinha que ainda tá meio jogadinha as traças, vez ou outra, eu tiro as teias de aranha do fogão e faço um pratinho esperto pra gente. Como no caso desse risotinho muito do bom que saiu em um almoço de domingo em casa.

Aliás, o que eu acho prático na questão do risoto, é que com aquelas sobrinhas da geladeira, ou com aquele legume que ficou sozinho no fundo da gaveta, você consegue preparar um risoto que sempre estará gostoso. E é por isso que em casa não deixo faltar arroz arbóreo ou carnarolli, porque na hora do aperto, é um risoto que salva sempre.

Esse levou calabresa, queijo gouda, queijo parmesão e pimenta vermelha. Picante, saboroso e com um toque mais pesado da calabresa. É o tipo de risoto que eu adoro. E para acompanhar servi um filé de tilápia grelhado, não que tivesse necessidade, mas eu quis acompanhar com algo mais leve. Vamos a receita então.

Ingredientes:

- 1 xícara chá de arroz para risoto (arbóreo ou carnarolli)
- 1/2 xícara chá de vinho branco seco
- 3 xícaras chá de caldo de frango ou legumes (utilizei àgua mais 1 sachê de caldo de frango Sázon)
- 1/2 linguiça calabresa cortada em cubos
- 1/2 cebola picada em cubos pequenos
- 1/2 xícara chá de queijo gouda em cubos
- 1/2 xícara chá de queijo parmesão ralado
- 1/2 pimenta vermelha picada em pedaços pequenos sem semente (opcional)
- 1/2 col. sopa de margarina
- sal à gosto

Preparo:

- Em uma panela coloque a calabresa cortada em cubos pequenos e frite até que fique bem corada. Retire a calabresa do fogo e reserve.
- Na mesma panela, retire o excesso de gordura deixando apenas 1/2 col. de sopa da mesma e refogue a cebola.
- Adicione o arroz e frite bem.
- Junte o vinho branco e mexa sem parar até que o vinho evapore.
- Adicione o caldo de frango ou legumes colocando concha a concha (coloque a primeira, mexa sem parar e quando estiver quase seco adicione a próxima. Faça isso até que o arroz fique no ponto al dente).
- Quando o arroz estiver no ponto, coloque de volta a calabresa e misture o queijo gouda, o queijo parmesão e a pimenta. Caso fique muito grosso por causa dos queijos, adicione mais um pouco do caldo.
- Desligue o fogo, coloque a margarina e misture bem no risoto para dar brilho.
- Corrija o sal se necessário e sirva em seguida.

Rendimento: 4 porções como a do prato
Tempo de preparo: 35 minutos
Grau de dificuldade: Fácil

Ficou uma delícia! É importante lembrar que a quantidade de calabresa parece pouca mas é mais para dar o sabor mesmo porque ela bem forte. E metade já é suficiente. Outra coisa é que o risoto deve ser servido sempre al dente, senão vira uma papa.

E aí, é só comer e ser feliz! =)
Ah, no final dessa semana vamos ter um sorteio, não percam!

Beijos e ótima semana,
Fla.

sábado, 29 de outubro de 2011

Para Welze...uma simples homenagem.


Neste espaço, criado há mais de 3 anos, eu pude conhecer pessoas maravilhas. Uma delas, daqui da minha própria cidade, eu não tive a oportunidade de conhecer pessoalmente, mas o carinho que sempre tive por ela é enorme.

A Welze, sempre foi uma pessoa alegre, alto astral, com uma capacidade única de utilizar as palavras para ensinar, confortar, se expressar. E aprendemos muito com essa guerreira... a cada post no seu www.gostosurassemtravessuras.blogspot.com, uma nova lição, seja sobre a vida, sobre a convivência com as pessoas ou sobre suas delícias.

A Welze durante 5 meses lutou bravamente contra sua doença. Deus a levou no dia de ontem, para que ela continue sua missão em outro plano, e tenho certeza que agora, todo o mal se transformará em bem, qualquer resquício de tristeza e escuridão, agora será de luz.

Apesar da tristeza em nossos corações, vamos fazer de tudo para que as lembranças e imagens sejam sempre as mais alegres possíveis, porque a nossa querida amiga era assim, pura alegria, e certamente não gostaria de ver ninguém chorando não, rezando e orando por sua família nesse momento difícil certamente ela gostaria, mas chorando não.

Não consegui ir me despedir de você querida... sinceramente não criei coragem. Se não tivemos a chance de nos encontrarmos e darmos boas risadas juntas enquanto você esteve neste plano, não poderia fazer isto agora... preferi guardar a imagem do seu sorriso em minha mente, e esse vou levar pra sempre.

A família dedico meu carinho e minhas orações. Que Deus esteja com todos vocês!

Descanse em paz querida Welze... sentiremos muita saudade...

Fla.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Asinhas de frango picantes


Oi gente, tudo certinho? Bom, como vocês podem perceber tô meio lá e meio cá né?! Por enquanto ainda preciso dar mais atenção aos meus estudos, e isso está me tomando um tempo monstro, então a cozinha vai ficar lentaaaa, quase parando. Mas de vez em quando eu volto para postar alguma coisinha. Como não sou a favor de posts programados, prefiro fazer dessa forma.

Bom, se tem uma coisa que eu e marido adoramos é frango a passarinho e de preferência as asas da penosa. A-do-ra-mos! Porém existem alguns empecílios aí no meio do caminho, primeiro que é fritura e esses dois seres fofos não podem ficar comendo fritura direto, segundo que em apartamento a questão da fritura é complicada.

Aí, pensando nisso, eu resolvi testar uma forma de comer asinhas no forno, assim resolveria grande parte dos problemas e continuaria comendo essas delicinhas. E não é que deu certo? Mega saboroso, rápido de fazer e ainda por cima não fica cheirando fritura. Quer ver como é simples, olha só.

Ingredientes:

- 12 asas de frango
- suco de 2 limões
- 1 col. sopa de páprica picante
- 3 col. sopa de molho de soja
- 1 col. chá de pimenta calabresa
- 1 col. sopa de mel
- 1 col. chá de cominho em pó
- 1 col. sopa de gengibre ralado
- sal à gosto
- 2 col. sopa de azeite extra virgem

Preparo:

- Misture o suco dos limões, a páprica, o molho de soja, a pimenta calabresa, o mel, o cominho, o gengibre e o azeite. Reserve
- Lave as asinhas de frango e limpe o excesso de gordura.
- Em uma vasilha misture os temperos com as asinhas e deixe descansando por no mínimo 2 horas. Se desejar acrescente mais sal à gosto, porém tome cuidado porque temos o molho de soja.
- Passado este tempo, coloque as asinhas em uma forma untada com um pouco de azeite e leve para o forno pré-aquecido 180º por 1 hora (vire na metade do tempo).
- Depois aumente a temperatura do forno para 220º, vire novamente as asinhas e deixe por mais 15 minutos para corar bem.
- Sirva em seguida.

Rendimento: 3 porções com 4 asinhas
Tempo de preparo: 1 hora e 30 minutos (não contando o tempo de espera do tempero)
Grau de dificuldade: Fácil

Para acompanhar servi um arroz colorido e uma salada. Precisa de mais alguma coisa? Não né, agora é só lambusar os dedos e se deliciar! E cuidado, elas ficam bem picantes, se desejar, coloque menos páprica ou menos pimenta.

Ótima semana pra todos!
Beijos,
Fla.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Pão Petrópolis - Mais você


No dia em que assisti a Ana Maria Braga fazendo essa receita quase engoli a televisão de tanta vontade que eu fiquei de experimentar. Eu evito fazer pães de forma manual em casas por três motivos: 1) A gente come muito! 2) Faz muita sujeira em uma cozinha pequena com uma pia pequena. 3) Meus braços sofrem com o sovar da massa.

Só que como a receita rendia 1 pão, eu não precisaria sovar muito e nem abrir a massa com o rolo, tratei de fazer o quanto antes a receita, assim eu poderia matar minha vontade. E vale muito a pena viu, acho que sem dúvida foi o pão mais saboroso que já fiz.

Segundo a Ana Maria Braga, este pão é conhecido na cidade de Petrópolis/RJ e eles costumam vender as fatias desse pão feitas na chapa mas eu sinceramente não tive coragem de fritar meu pãozinho e comi ele só com manteiga.

A receita original com o vídeo explicativo você acessa clicando aqui. E para a melhor compreensão da receita eu recomendo que você assista o vídeo.

Ingredientes:

- 50 gr. de açúcar (1/4 de xícara de chá)
- 400 gr. de farinha de trigo (2 1/2 xícara de chá)
- 1 pitada de sal
- 30 gr. de fermento fresco (2 tabletes)
- 1 col (sopa) de manteiga (15 gr)
- 180 ml de leite (3/4 xícara chá)
- 1 ovo
- 1 gema misturada com 1 col. chá de café pronto

Preparo:

- Numa tigema coloque o açúcar, a farinha e o sal. Reserve.
- Em outra tigela coloque o fermento, a manteiga, o leite e o ovo e misture bem.
- Adicione a mistura de farinha reservada a mistura do fermento e sove bem até obter uma massa homogênea. (Se necessário polvilhe um pouco de farinha para soltar a massa das mãos)
- Deixe descansar a massa por 20 minutos.
- Modela a massa dando formato do pão, polvilhe com farinha de trigo e transfira a massa para uma forma de bolo inglês (25 cm x 10 cm x 6 cm de altura) forrada com papel manteiga nas laterais deixando 10 cm de papel para cima da forma.
- Pincele a massa com a mistura da gema e do café e deixe crescer até dobrar de tamanho (cerca de 1 hora).
- Leve o pão ao forno médio pré-aquecido a 180º por +/- 30 minutos ou até dourar.
- Retire do forno, desenforme, retire o papel manteiga e sirva em seguida.

Rendimento: 1 pão grande
Tempo de preparo: 2 horas
Grau de dificuldade: Fácil

Ai ai, aí depois de pronto, passe aquela manteiguinha esperta e seja feliz. =)

Ótimo final de semana a todos.
Beijos,
Fla.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Como fazer um yakissoba

Um dos posts mais acessados e de maior sucesso aqui no Arte é o "como fazer um omelete". O número de comentários e e-mails que recebo agradecendo pela postagem e as histórias que essas pessoas contam, me deixam muito feliz. Outro nessa mesma linha que as pessoas gostam bastante é o "como é que se faz uma sopa?".

Fazer um passo-a-passo bem explicativo não é fácil. Requer um tempo danado, porque a cada etapa é necessário tirar fotos, e várias delas para que dentre tantas uma fique boa, e geralmente procuro fazer isso quando o marido está em casa, assim ele me ajuda. É por isso que nem sempre eu consigo atender os pedidos de vocês, mas aos poucos eu vou tentando ok?

Dessa vez quem me mandou um e-mail implorando por minha ajuda é a Sônia de São Paulo. A querida enviou um e-mail super gracinha, dizendo que o blog a ajuda muito e que ela fica de olho para ver se vai surgir mais um post do tópico "iniciantes na cozinha". Segundo ela, quando eu publiquei o post da sopa, ela passou o mês demonstrando para a família o que tinha aprendido...risos. Então Sônia, vamos variar o cardápio ok? Hoje eu vou atender o seu pedido e te responder como fazer um yakissoba.

Ingredientes:

- 300 gr. de carnes em tiras (alcatra, coxão mole, mignon ou patinho)
- 1 col. sobremesa de óleo de gergelim
- 1 col. sopa de azeite
- 4 xícaras chá de legumes de sua preferência (neste caso eu utilizei: 1 cenoura cortada em rodelas médias, 1 cebola grande cortada em cubos grandes, 3/4 xícara chá de ervilhas congeladas, 2 xícaras chá de couve-flor)
- 1/4 xícara chá de gengibre fatiado
- 400 gr. de macarrão para yakissoba
- 100 ml de molho de soja
- 100 ml de água
- 1 col. sopa cheia de amido de milho
- sal à gosto

Preparo:


Seguindo a ordem das fotos:

1. Separe todos os ingredientes para facilitar seu trabalho.
2. Em uma panela wok, um tacho ou uma panela comum, aqueça o azeite e o óleo de gergelim e frite a carne que deve ser temperada previamente com um pouco de sal (não utilize muito sal porque a receita tem molho de soja).
3. Quando a carne estiver começando a corar, adicione o gengibre fatiado e deixe refogar bem.
4. Adicione as cenouras ou o legume que você estiver utilizando e que seja de cozimento mais demorado.

5. Adicione as cebolas e as ervilhas.
6. Deixe em fogo baixo até que as cebolas e as ervilhas estejam al dentes.
7. Coloque o macarrão para cozinhar em água e sal conforme instruções da embalagem.
8. Junte a couve-flor previamente cozida ao refogado e deixe em fogo baixo, misturando sempre.

9. Junte o macarrão cozido à panela.
10. Misture bem todos os ingredientes envolvendo o macarrão ao restante do refogado.
11. Em um copo misture bem a água, o molho de soja e o amido de milho e adicione essa mistura à panela em fogo baixo.
12. Misture para envolver todo o yakissoba nesse molho. Deixe cozinhar por cerca de 3 minutos e está pronto.

Rendimento: 4 porções generosas
Tempo de preparo: 45 minutos
Grau de dificuldade: Fácil

Carnes que você poderá utilizar: carne de vaca, lombo de porco, peito de frango e camarão. (utilize a quantidade que quiser, sugiro 300 gr por ser suficiente, porém se não quiser utilizar carne, acrescente mais legumes ou vegetais)

Legumes e vegetais que você poderá utilizar: brocólis, broto de feijão, broto de bambu, cogumelos, acelga, pimentão, etc... (você pode utilizar aqueles pacotes para yakissoba que são vendidos em feiras livres e quitandas que já tem alguns legumes cortados e embalados).

Algumas pessoas vão estranhar o fato de eu ter utilizado ervilhas, mas gente, utilizem o que vocês tiverem em casa, garanto que nenhuma opção ficará ruim.

Espero que esteja bem explicado e que este post ajude muita gente, que assim como a Sônia, não sabia fazer um yakissoba bem gostoso.

Ótima semana pra todos!
Beijos,
Fla.

sábado, 1 de outubro de 2011

Resultado promoções Tirolez e Mococa

Primeiro lugar gostaria de agradecer a todos que participaram destas duas promoções. Em nome das duas empresas agradeço de coração.

E agora quem será que vai levar para casa o mascote da Tirolez hein? Dedinhos cruzados e vamos lá!!!!

A(o) sortuda(o) foiiiiiiiiiiiiiiii:

MARIA DE LOURDES POÇA - PRÊMIO MASCOTE TIROLEZ


Parabéns querida. Por favor, responder ao e-mail que você receberá em até 5 dias.

E vocês acham que acabou? Não né? Quem será que levou o kit delícia da Mococa???

Tchãn, tchãn, tchãn tchãn... quem levou foiiiiiiiiiiiiiiiiiiii:

SÔNIA FASSINA - PRÊMIO KIT MOCOCA

Parabéns Sônia, você também deverá responder ao meu e-mail em até 5 dias.

Obrigada mais uma vez a todos e aguardem, em breve mais promoções pra vocês!

Beijos,
Fla.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Muffin de arroz com tomate seco

Muffin? Empadinha? Bolinho? Ah não sei, você pode chamar do que quiser, mas só não deixe de fazer, porque é fácil, prático, gostoso e até para a criançada levar de lanche pode ser uma ótima ideia.

A vida anda tão corrida que lanchinhos assim tem sido minha salvação. Faço uma receita inteira, sei que vai sobrar, e os que sobram eu congelo, assim quando não estou com tempo de ir pra cozinha, descongelo meus bolinhos, faço uma salada e o jantar está servido.

A massa eu já publiquei aqui diversas vezes, e é aquela feita com sobras de arroz, muito fácil de fazer e deliciosa. A receita da massa você pega clicando aqui. Agora vou dar essa sugestão de recheio mas faça a que você gostar mais, mas já adianto que essa combinação ficou show de bola.

Ingredientes recheio:

- 100 gr. de copa ou salame picado
- 1 xícara chá de tomate seco picado
- 1/2 cebola picada em cubos
- 1 xícara chá de muçarela ralada
- 1 xícara de queijo meia cura picado em cubos
- 1 col. sopa de azeite
- pimenta dedo de moça picada à gosto (se gostar)
- 1 col. sopa de orégano

Montagem:

- Unte forminhas de muffin ou empadas com manteiga e farinha.
- Coloque uma porção de massa, adicione o recheio e cubra com outra porção de massa. Lembrando que é importante não colocar massa demais porque senão pode esparramar na forma.
- Leve ao forno pré-aquecido 180º por 25 minutos aproximadamente.
- Desenforme depois de esfriar bem e sirva.

Rendimento: 18 bolinhos (mas vai variar de acordo com o tamanho das forminhas)
Tempo de preparo: 40 minutos
Grau de dificuldade: Moleza

Não tem desculpa para não fazer hein, muito fácil! Espero que tenham gostado!
Ah sim, e gente olha que livro lindo que eu ganhei do blog Delicious by confort food da querida Ana Paula. Um livro de comida indiana que é muito lindo e repleto de receitas de dar água na boca. Adorei ganhar o sorteio! Muita sorte né? E Ana, obrigada mais uma vez!

Beijos,
Fla.

PESSOAL A PROMOÇÃO MASCOTE TIROLEZ E KIT DELÍCIAS MOCOCA VAI ATÉ DIA 30/09, NÃO DEIXEM DE PARTICIPAR!!! BOA SORTE!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Farfalle à Marina gratinado


Não, eu não tenho nenhuma amiga que chama Marina e nem é em homenagem a ninguém esta receita, mas na verdade, este molho "à Marina" é servido em uma cantina italiana aqui na minha cidade, e eu sempre tive loucura por ele. Como o preço do restaurante é um tanto quanto salgado, eu resolvi buscar na internet os ingredientes desta delícia de molho e há! não é que eu achei?!

Aí, munida dos ingredientes e de uma imaginação fértil, fui pra cozinha tentar reproduzir esta receita deliciosa e deu tão certo, mas tão certo, que eu resolvi compartilhar com vocês. Ah sim, não é que ficou exatamente igual a do restaurante, até porque eu coloquei um ingrediente a mais na minha versão (e que pra mim também tinha na do restaurante), que é a carne moída, mas ficou tão delicioso quanto.


Ingredientes:

- 500 gr. de farfalle ou penne
- 300 gr. de carne moída (utilizei ponta de alcatra moída duas vezes)
- 1 maço de espinafre picado bem miúdo
- 2 cebolas pequenas cortadas em cubos
- 1 litro de leite
- 2 col. sopa cheia de manteiga mococa
- 3 col. sopa cheias de farinha de trigo
- 1 caixa de creme de leite mococa
- 1 xícara chá de parmesão ralado
- 1/2 col. café de noz moscada
- 1/4 xícara chá de passas pretas
- 1/4 xícara chá de passas brancas
- 1/4 xícara chá de nozes trituradas grosseiramente
- 2 col. sopa de queijo gorgonzola picado
- 1 xícara chá de muçarela ralada
- sal e pimenta à gosto

Preparo:

- Cozinhe o macarrão conforme instruções da embalagem e reserve.

1º Passo: Refogado de carne com espinafre

- Em uma panela aqueça um fio de azeite e coloque a carne moída para refogar. Tempere com sal e pimenta a gosto e deixe em fogo baixo, mexendo sempre que fique bem soltinha até que esteja cozida.
- Adicione 1 cebola pequena picada em cubos e refogue por alguns minutos.
- Junte o espinafre picado e refogue em fogo baixo por uns 3 minutos. Corrija o sal, desligue o fogo e reserve.

2º Passo: Molho branco

- Em outra panela aqueça a manteiga e coloque a cebola para refogar até que fique transparente.
- Junte a farinha de trigo, misture bem e frite por uns 2 minutos.
- Adicione o leite aos poucos mexendo sempre para que não empelote.
- Deixe cozinhar o creme em fogo baixo por uns 15 minutos mexendo de vez em quando para grudar no fundo da panela.
- Quando o creme estiver começando mais grossinho coloque o queijo parmesão ralado e tempere com sal e pimenta do reino a gosto e a noz moscada. Deixe mais uns minutos no fogo para tomar gosto.
- Adicione o creme de leite e mexa bem.
- Junte a carne moída refogada ao creme branco e misture bem.
- Coloque o queijo gorgonzola, as passas e as nozes, misture e deixe em fogo baixo por mais uns 3 minutos.
- Corrija o sal se necessário e desligue o fogo. Reserve.

Montagem:

- Em cumbucas ou em um refratário grande, coloque uma camada de molho, o macarrão cozido e mais uma camada generosa de molho.
- Disponha sobre o molho uma porção generosa de queijo muçarela e leve ao forno médio/ato para gratinar (o tempo varia de acordo com o tipo do forno).

Rendimento: 6 cumbucas ou 1 refretário grande - serve 6 pessoas
Tempo de preparo: 50 minutos
Grau de dificuldade: Médio

A cor do molho fica assim por causa das passas e das nozes. O sabor é maravilhoso mas fica um pouco agridoce, então é para quem curte esse tipo de receita tá?! Tentei tirar uma foto melhorzinha de dentro do potinho mas não rolou, eu estava com tanta fome que tinha pressa...rs. Ah e quando sair do forno, o ideal é ir misturando o molho com o macarrão dentro do potinho para comer.

Espero que tenham gostado.
Ótima semana a todos.
Beijos,
Fla.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Chocolate chip banana bread - Trainee de Cozinheira


Sem muitas delongas, queria dizer que esta é uma receita que com certeza vou fazer muitas e muitas vezes, e devo isso a querida da Maura do Trainee de Cozinheira, blog que se você não conhece, faz o seguinte, clica aqui nesse link e corre pra lá, que você vai conhecer receitas deliciosas e ainda por cima conhecer uma das blogueiras mais queridas de toda a rede.

O pão está mais para um bolo, e é saboroso que só experimentando para saber. Não deixem de fazer, vocês vão amar eu tenho certeza.

Receita original aqui.

Ingredientes:

- 1/2 tablete de manteiga derretida (100 gr.)
- 1 xícara chá de açúcar granulado
- 1 col. chá de baunilha
- 3 bananas maduras
- 2 ovos
- 1/2 col. chá de bicarbonato
- 1/2 col. chá de fermento em pó
- 2 xícaras de farinha de trigo
- 1 xícara chá de chocolate chips (eu utilizei uma barra de 160 gr. de chocolate meio amargo picado grosseiramente)

Preparo:

- Aqueça o forno a 180º.
- Amasse as bananas e misture o açúcar, a manteiga derretida, a baunilha, os ovos, sal, bicarbonato de sódio, fermento e 1/3 da farinha de trigo, mexa e misture tudo muito bem.
- Coloque o resto da farinha e o chocolate chips (deixando um pouco para colocar no final por cima) e misture tudo cuidadosamente.
- Coloque a massa em uma forma de bolo inglês untada e enfarinhada e coloque o restante do chocolate chips por cima.
- Asse por aproximadamente 45 minutos ou até dourar.
- Espere alguns minutos e desenforme.

Rendimento: 10 fatias aproximadamente
Tempo de preparo: 1 hora
Grau de dificuldade: Fácil

Se uma imagem vale mais do que mil palavras, então deixa essa última foto para vocês e não vou dizer mais nada!

Beijos e um ótimo final de semana!
Fla.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Salada, minha nova paixão.

Não posso considerar que estamos de dieta em casa. Não que a gente não esteja precisando perder lá uns 20 quilos, mas é um processo complicado para quem ama cozinhar e comer. Nosso foco agora é outro, é aprender a comer e a gostar de saladas e frutas.

O problema em casa é este, verdinhos e frutinhas eram coisas extintas na geladeira. Sério, acho lindo quem tem a fruteira cheia de opções e é capaz de passar pela cozinha, olhar uma maçã, lavar e dar uma mordida. Ui, chega a me arrepiar acredita? Não fui uma criança acostumada a comer frutas, mas em casa nunca teve um almoço ou jantar servido sem salada.

Desde que me casei, foram várias as tentativas de nos obrigar a comer salada e fruta todos os dias, mas com a correria e os horários malucos em que nós fazemos nossas refeições, não rolava, eu acabava jogando muita coisa fora e me estressando. Então por um bom tempo, parei de insistir nessa história toda. Mas isso mudou quando voltei a comprar minha cesta de produtos orgânicos, porque ali eu não tenho como escolher o que vem na minha cesta, e obrigatoriamente eu tenho a cada 15 dias, 3 tipos de verduras, 6 de legumes e 1 tipo de fruta.

Decidida a virar este jogo e tentar melhorar a saúde dos dois gordinhos que habitam o nosso lar (eu e marido), resolvi investir na apresentação e no sabor diversificado das saladinhas, e eis que surge nesse momento nossa nova paixão: a fruta na salada.

Fizemos diversas combinações mas as que estão no nosso top 3 são: manga, kiwi e carambola. Elas combinam demais com qualquer tipo de salada e independente do molho que você utilizar elas vão combinar. Olha só algumas opções bem saborosas:

1) Alface americana, tomate cereja fatiado, cebola, kiwi e azeitonas. (Tempero: limão, azeite, sal e pimenta calabresa)

2) Alface americana, tomate fatiado, cenoura ralada e manga em cubos. (Tempero - créditos para minha irmã Fernanda que ensinou esse molho tudo de bom - 1 pote de iogurte desnatado, 2 col. sopa cheia de mostarda, 1 col. sopa de mel)

3) Alface crespa, tomate, rabanete, folhas de salsinha e cebolinha picada. E aqui utilizo a folha da salsinha como um item da salada e não como tempero, porque é uma delícia e dá um sabor delicioso! (Tempero - vinagre balsâmico, azeite, sal e pimenta do reino)

Ah sim, e a apresentação conta muito. E aquela história de que a gente como primeiro com os olhos é a mais pura verdade né? Fala a verdade, não dá vontade de provar? Eu já estou ficando com fome! =)

É isso gente. São apenas algumas ideias pra vocês. E se tiverem mais sugestões por favor, compartilhe conosco pelos comentários! Todas serão muito bem vindas!

Beijos,
Fla.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Quiche integral de espinafre e presunto

Ando relapsa com o blog...eu sei disso. Mas tem tanta coisa acontecendo na minha vida ao mesmo tempo, que preciso sentar, ver o que é prioridade e seguir tentando não perder o controle das coisas. Eu costumo brincar que quando minha casa está ficando bagunçada demais é porque a minha vida está da mesma forma, então eu começo colocando ordem dentro de casa, aí vou aos poucos ordenando o restante.

Esse post de hoje é para atender ao pedido de uma leitora do Arte, a Cíntia, que me enviou um e-mail pedindo orientação para fazer uma quiche. Ela vai fazer aniversário em novembro e já está pensando no cardápio da festinha e pensou em fazer diversas quiches além de outros pratos. Eu achei a ideia dela super bacana, porque é um prato fácil de fazer e tem opções mil de recheio.

Tentei fazer uma espécie de passo-a-passo, mas as fotos não ficaram lá aquelas coisas, porque vocês sabem que eu só tiro fotos a noite e não há iluminação artificial que me ajude nessas horas. Espero que fique um post claro e que ajude não só a Cíntia mas quem também quer aprender a fazer uma deliciosa quiche.

A ideia desta quiche eu tirei do blog da Rachel, o Na Biroskinha, e se você quiser conhecer o blog dela e a receita que ela fez, clique aqui. A receita já está com minhas adaptações.

Ingredientes:

Massa: (Receita original do site Panelinha, link aqui)

- 1 1/2 xícara chá de farinha de trigo branca
- 1 xícara chá de farinha de trigo integral
- 100 gr (1/2 tablete) de manteiga
- 1 ovo
- 1/2 col. chá de sal
- 2 col. sopa de água fria

Preparo da Massa:

- Numa tigela adicione todos os ingredientes e misture bem com as mãos até obter uma massa lisa e homogênea.
- Forre com a massa o fundo e as laterais de uma forma de fundo removível com a ajuda das mãos. Não é preciso abrir a massa no rolo, ela se espalha com facilidade utilizando as mãos.
- Leve a forma forrada com a massa à geladeira e comece a preparar o recheio.

Recheio:

- 1/2 maço de espinafre lavado (só as folhas)
- 1/2 cebola fatiada
- 100 gr. de presunto fatiado picado
- 1 vidro pequeno de champignon fatiado
- 1 tomate pequeno picado em cubos
- 1/2 xícara de cubos de muçarela
- 6 fatias de muçarela

Preparo Recheio:

- Em uma panela refogue a cebola em azeite e adicione o espinafre. Deixe em fogo baixo até que as folhas murchem um pouco. Adicione sal e pimenta a gosto e reserve.
- Em uma tigela misture o presunto, o champignon e o tomate. Tempere com azeite e reserve.

Cobertura:

- 3 ovos grandes
- 1 caixinha de creme de leite
- sal, pimenta e noz moscada à gosto
(Misture bem todos os ingredientes com a ajuda de um batedor ou fouet)

Montagem:

- Retire a massa da geladeira e por cima coloque o espinafre refogado.
- Adicione a mistura de presunto, champignon e tomates.
- Salpique os cubos de muçarela por cima.
- Arrume as 6 faitas de muçarela de forma que cubra o recheio mas que fiquem aberturas para que a cobertura passe para o restante do quiche.
- Despeje a cobertura por cima do queijo e leve a quiche ao forno médio/baixo (200º) pré-aquecido por cerca de 35 minutos ou até que esteja cozido e gratinado.

Rendimento: 8 pedaços grandes
Tempo de preparo: 40 minutos
Grau de dificuldade: Fácil

Gente, variações de recheio mil como eu disse: queijos, queijo com tomate, frango refogado com queijo, tomate seco queijo, brocólis refogado no alho, peito de peru, etc, etc, etc.

Espero que tenha ficado bem explicado, mas se alguém tiver alguma dúvida é só enviar um e-mail ou deixar sua pergunta nos comentários que eu venho aqui e respondo tá?!

Super terça pra todo mundo!
Beijos,
Fla