quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Pavê de Calabresa

Tenho algumas amigas recém-casadas (xi, com ou sem hífen?), outras nem tanto assim, que sempre passam um cortado na cozinha porque, fazer o trivial, a comidinha nossa de cada dia, realmente não é tarefa fácil.

E como nem só de "delivery´s" vive o homem, pensar em algo que estrapole o arroz, feijão, bife e salada é muitas vezes complicado, apesar de ser um cardápio ao meu ver glorioso.

Por isso eu sempre estou em busca de receitas que sejam rápidas e claro, saborosas. Esta receita é um exemplo de comida rápida, com grau de dificuldade zero, deliciosa, porém como nem tudo são flores, a bendita é um tanto quanto...calórica. Mas ninguém precisa fazer toda semana certo?!

A receita peguei do caderno da minha mãe, que por sua vez deve ter visto em algum outro lugar, portanto há um ser humano que é "dono" da receita, vamos esclarecer para evitar possíveis traumas...rs.


Ingredientes:

- 1 litro de leite
- 5 col. sopa de amido de milho
- 1 col. sopa de margarina
- 150 gr. de queijo parmesão ralado
- 1 lata de creme de leite com soro
- 2 tomates s/ pele e s/ semente picados
- 3 calabresas s/ pele cortada em rodelas
- 1 cebola grande picada
- 1 xícara de azeitonas verdes picadas
- 200 gr. de mussarela ralada
- salsinha picada
- pimenta


Preparo:

Coloque em uma panela o leite, o amido de milho, a margarina e o queijo. Misture bem até dissolver o amido. Leve ao fogo brando até engrossar. Em seguida retire do fogo e adicione o creme de leite. Reserve.
Em uma vasilha misture os tomates, a calabresa, a cebola, as azeitonas e a pimenta (nesse caso eu usei pimenta calabresa). Misture bem os ingredientes e reserve.
Em um refratário coloque o creme e por cima a mistura de calabresa. Leve ao forno médio até a calabresa ficar bem douradinha, uns 20 a 25 minutos. Em seguida retire do forno, coloque a mussarela ralada e devolva para o forno para gratinar.
Depois de gratinado, retire do forno e salpique salsinha. Sirva quentinho com um arroz feitinho na hora. Ontem eu fiz arroz com açafrão que eu adoro e combinou muito bem.


Olha, não é uma comida leve, por isso recomendo para um almoço.
Eu fiz meia receita, mas ela na íntegra serve tranquilo 6 pessoas.

Divirtam-se.
Beijos,
Fla

2 comentários:

  1. É uma receita de família... e eu nunca, nunca tive a oportunidade de experimentar... que pena! vou ficar apenas salivando aqui sozinha na hora do almoço... acho q vou pedir um marmitex... (lágrimas)... Fer

    ResponderExcluir
  2. No lugar do amido de milho pode usar maizena? ;)

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário!
O mesmo estará disponível após liberação.